sábado, 31 de julho de 2010

A CIA e Google sócias na empresa Recorded Future

A agencia de inteligência estatal ianque e Google tem um interesse comum de vão tirar partido conjuntamente por intermédio da empresa Recorded Future, uma empresa de monitoração em tempo real da Internet. Ambas tem investido nela e é, segundo parece, além de monitorar a web ela é capaz de oferecer previsões de comportamentos futuros. In-Q-Tel e Google Ventures participaram na última rodada de financiamento da companhia apostando de maneira direta na tecnologia.

A empresa que já mostramos em maio deste ano, Recorded Future, escaneia milhares de sitios na internet, blogs e contas de Twitter para traçar a tendencia nos atos e dar previsões sobre acontecimentos futuros. A segunda rodada de investimento na Recorded Future voltou a receber dinheiro do Google por intermédio da Google Ventures e tambem da CIA, por intermédio do organismo de investimentos próprio In-Q-Tel.


video

Vejam mais em REBELION.ORG

WikiLeaks / O delator de Manning, o ex-hacker Lamo, continua colaborando com o Pentágono

Adrian Lamo e um grupo de veteranos das guerras no Iraque e no Afeganistão, continua fazendo todo o possível para converter o jovem oficial Bradley Manning em carne de presidio (militar) por toda sua vida. Desde momento que os documentos foram publicados, Adrian Lamo trabalha para tentar demonstrar que as bases de dados passaram por Manning. Ele o delatou depois de uma conversa vía chat que levou o oficial de inteligencia designado para o Iraq a uma cela militar no deserto de Kuwait.
Eu creio que nem precisaria ver o equipamentode Manning para averigua-lo.
Segundorevela o The Daily Best, Bradley Manning, foi trasladado para una cárcere do Corpo de Marines em Quantico, Virginia, à espera de uma audiência do grande juri militar. The Wall Street Journal informou ontem que o Pentágono havia obtido “evidencias concretas” de que Manning estava vinculado à filtração dos informes da guerra afegã.


Vejam o texto completo em REBELION.ORG

Presos de Cuba e Guantánamo

Estes dias tem coincidido dois fatos em aparência similiares, mas no fundo bem distintos entre sí: a chegada a Espanha de presos cubanos acolhidos pelo governo e o anúncio de que um terceiro preso de Guantánamo aterrisou já em nosso país. A presença dos "presos políticos" cubanos (assim denominados pelo ministro de Assuntos Exteriores) foi anunciada a tambor e pratos. Desde então não deixam de sair na televisão e nem de participar em atos públicos e rodas de imprensa. Inclusive temos ouvido alguns deles criticar o governo espanhol, o que tem servido ao Partido Popular meter o bedelho e utilizar essas pessoas para sua própria conveniência política.

Enquanto isso, pela porta de trás vão entrando os cinco "presos" de Guantánamo (assim denominados pelo ministro do Interior) que o governo está disposto a acolher por razões humanitárias. Neste caso as camaras e luzes são substituidas pelos silencios e curtas notas oficiais de imprensa. Não se anuncia a identidade, nem são objeto de reportagens nem de atos de homenagem, nem sequer se discurte publicamente sua situação, dado que tampouco se conhecem os termos do acordo subscrito a este respeito entre os governos ianque e espanhol.


Vejam mais em REBELION.ORG

Novo padrão de manipulação jornalística

Nestes sete anos e meio de governo Lula eu já tinha visto todo tipo de manipulação da imprensa a favor dos tucanos e contra o governo petista, mas o jornal O Globo de hoje desce mais um degrau rumo ao fundo do poço da credibilidade jornalística: numa matéria sobre declarações de Aloizio Mercadante o jornal simplesmente usou a resposta a uma pergunta, feita por um jornalista sobre um determinado assunto, como resposta a outra pergunta, de outro jornalista, sobre outro assunto! Parece absurdo demais, mas é a verdade.

Acho que conheço bastante bem o episódio dos “aloprados”, um dos mais vergonhosos momentos da história da imprensa brasileira, uma tentativa de golpe nas vésperas do primeiro turno da eleição presidencial de 2006, orquestrada pelos principais veículos da mídia, alguns integrantes da Polícia Federal e do Ministério Público e pelos partidos de oposição, e estranhei muito o tal “mea culpa” de Aloizio Mercadante publicado na edição de hoje de O Globo.


Vejam o texto completo no blog do JORGE FURTADO

Arte sem bloqueio: após 50 anos, American Ballet Theater volta a Cuba

Depois de 50 anos, o American Ballet Theater regressa a Cuba A última visita da companhia foi em 1960, por ocasião do seu vigésimo aniversário. A data do evento será de 3 a 6 de novembro, no Festival Internacional de La Habana que renderá homenagem a cubana Alicia Alonso, diretora e fundadora do Ballet Nacional de Cuba. La Habana. O American Ballet Theater visitará Cuba em novembro, no que constitui a primeira viagem à ilha em meio século da companhia estadunidense, publicou hoje (sexta, 30/07) o site Cubadebate.


Vejam em CARTA MAIOR

"IBOPE: DILMA LIDERA NO SUDESTE, NO NORDESTE, NO NORTE E NO CENTRO-OESTE

exceto num país chamado 'Datafolha', Serra desce a ladeira e inspira rejeição no eleitorado brasileiro. A tentativa de ocupar a vaga de Álvaro Uribe e trazer o belicismo de extrema-direita para a disputa política nacional não deu certo. A exemplo do Vox Populi, o IBOPE desta 6º feira (Dilma 39% X Serra 32%) confirma: um em cada quatro brasileiros não votariam de jeito nenhum no político arestoso que agride como Uribe, mente como Carlos Lacerda e pode acabar como Cristiano Machado, o mineiro que impôs a sua candidatura ao PSD nas eleições presidenciais de 1950, sendo abandonado pelo próprio partido, que apoiou Vargas. Seu nome inspirou o termo "cristianização" para designar o candidato ‘escondido’ pelos companheiros de sigla, que temem o contágio tóxico de sua impopularidade nas próprias bases eleitorais. O risco é cada vez maior para quem grudar seu nome no de Serra. Dados do último IBOPE: a) a vantagem Dilma chega a oito pontos (27% a 19%) na pesquisa espontânea; b) Dilma tem 11 pontos a mais que Serra no eleitorado masculino (44% a 33%), e empata com o tucano entre as mulheres (35% a 35%); c) Dilma vence em todas as regiões, exceto no Sul, subiu de 32% para 37% no Sudeste contra 35% de Serra no maior colégio eleitoral do País; e) no Nordeste, Dilma tem praticamente o dobro das intenções de voto do adversário (49% a 25%) ; f) no Norte/Centro-Oeste, houve uma inversão de posições: o tucano liderava por 41% a 33% e agora perde por 40% a 33%;g) o Sul é a única área em que Serra ainda cresce: tem 46% contra 32%. "

(Carta Maior; 31-07)

Panamá proibe por lei direito a greve

A lei, além disso, elimina a necessidade de estudos de impacto ambiental nos projetos das transnacionais no pais.

"Não é um movimento dos partidos de oposição contra uma lei mas da população em resistência contra a política que temos sofrido no último ano", disse Olmedo Carrasquilla, jornalista da Radio Temblor. Panamá vive uma sucessão de greves e manifestações cujo detonante foi a aprovação em 16 de junho da chamada Lei 30 por parte do governo conservador de Ricardo Martinelli, da Ação pela Mudança. Essa lei foi imposta "em somente três dias, sem debate, e com a argúcia legal de modificar uma lei sobre aviação comercial, com a intenção de passar despercebida ante a opinião pública", disse Silvestr Díaz, da Frente Nacional pela Defesa dos Direitos Economicos e Sociais do Panamá (Frenadeso).


Vejam o texto completo em LA HAINE.ORG

O último conflito da era Uribe

Com um estilo mais radical que o de George W. Bush. Não só converteu seu pais em uma parte de um porta-aviões ianque, como se empenhou em escalar os conflitos na linha de militarização que defendem o Pentágono e o Comando Sul como modo de assegurar o controle de um quintal que escapa das mãos.


Mas os tempos mudam. Quando Uribe chegou ao Palácio de Nariño, em 2002, a guerra contra o terrorismo estava em seu apogeu e as rachaduras do mundo unipolar recém começavam a se fazer visíveis. Em 2010, o Pentágono está atolado no Iraque e pode se arruinar no Afeganistão. A ex-superpotência não se recuperou da crise de 2008 e deve contemplar como se articulam potencias emergentes com países desenvolvidos com capacidade para impedir-lhes de realizar suas iniciativas mais importantes.


Vejam o texto completo em LA HAINE.ORG

''O WikiLeaks existe porque os jornalistas perderam o controle sobre as informações''

As notícias de primeira página do The New York Times sobre a guerra do Afeganistão – baseadas em um vazamento maciço de documentos militares norte-americanos – provavelmente não vão mudar o curso da guerra. Mas representam uma mudança radical na forma como os jornalistas noticiam a segurança nacional.

Os registros para os artigos do New York Times, o que inevitavelmente convida à comparação com os "Pentagon Papers" de uma geração anterior e de uma guerra anterior, foram fornecidos ao Times não por uma fonte do governo, mas pelo Wikileaks.org, um site vago e sem nacionalidade especializado na publicação de documentos sensíveis que vazaram anonimamente dos arquivos de governos e corporações.

Por que Wikileaks?

Continue AQUI.

Obama pode bater recorde de deportação

Enquanto critica a nova lei de imigração do Arizona, o governo do presidente Barack Obama se move a passos largos para bater um recorde de deportações de imigrantes ilegais em 2010, com estimadas 400 mil pessoas forçadas a deixar os EUA.

Continue AQUI.

Maior problemática do fumo está no RS

O estado vive uma situação conflitante tanto do ponto de vista da produção, pois produz 50% do fumo brasileiro, quanto do consumo. O RS também é o estado com maior incidência de câncer de pulmão.

Quem fuma um maço de cigarro por dia, ou seja, 20 cigarros, sofre cerca de 200 impactos cerebrais de nicotina. Pesquisas revelam que nenhuma outra droga age com esta intensidade, provocando os malefícios e lesando quase todos os órgãos. Mas não é só o fumante, seja ele ativo ou passivo, que sofre com as doenças do fumo. O produtor sofre com intoxicações seriíssimas. “A chamada doença da folha do tabaco verde acontece, independente do agrotóxico, quando, no momento da colheita se dá o contato da pelo com a folha úmida do tabaco, ou seja, ocorre um processo de absorção da nicotina pelos poros da pele. Ou seja, a pessoa fuma pela pele uma quantidade muito maior do que do fumante “normal”. E isso provoca náuseas, dores de cabeça, dores musculares, vômito e, alguns casos, desmaio”, exemplifica o pesquisador Amadeu Bonato.

Continue AQUI.

Relatório conclui que aquecimento global é um fato

Mais de 300 cientistas de 48 países contribuíram para o State of Climate 2009, que analisou 10 indicadores climáticos e comprovou que o planeta está sem dúvida esquentando e que a atual década será a mais quente já registrada desde 1870

Derretimento de geleiras, temperaturas mais altas em terra e nos oceanos, aumento dos níveis dos mares e menor cobertura de neve foram alguns dos indicadores estudados por mais de 160 grupos de pesquisa ao redor do mundo para chegar a uma única conclusão: o planeta está aquecendo.

Os autores do State of Climate 2009, coordenado pela Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA), não entraram no mérito se o aquecimento é devido à ação humana ou não, mas são enfáticos ao dizer que não há mais dúvidas de que o fenômeno está acontecendo e em ritmo acelerado.

Continue AQUI.

Líder de las FARC propone diálogo a nuevo gobierno de Colombia


Bogotá. El líder de las rebeldes Fuerzas Armadas Revolucionarias de Colombia (FARC) le planteó al nuevo Gobierno del presidente Juan Manuel Santos que se sienten a dialogar y a buscar una solución política al conflicto, según un video difundido por un órgano de información del grupo.

Alias "Alfonso Cano", cuyo verdadero nombre es Guillermo León Sáenz, dijo en un video de 36 minutos que están empeñados en iniciar una salida política al conflicto, pero sin bajar las armas.

Continue AQUI.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Arquivada ação de Dantas contra De Sanctis por sequestro de bens

A corregedoria do Tribunal Regional Federal da 3º Região arquivou um processo movido pelo banqueiro Daniel Dantas contra o juiz Fausto De Sanctis, da 6º Vara Criminal de São Paulo, informou a corte nesta sexta-feira. A ação era referente a decisões tomadas pelo magistrado no andamento da Operação Satiagraha, que apuraram crimes financeiros.

De acordo com Dantas, o juiz teria cometido arbitrariedades e irregularidades ao autorizar o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) a vistoriar suas fazendas e ao determinar o sequestro de seus bens. De acordo com o processo apresentado por Dantas, as fazendas não poderiam ser vistoriadas porque eram alvo de ocupação.

Na decisão tomada no dia 28 de julho, a Corte entendeu que não houve nenhuma das irregularidades apontadas por Dantas.


Continue lendo no Terra.

Photoshop abre túnel do tempo para dimensão fantasma da Segunda Guerra Mundial




O fotógrafo russo Sergey Larenkov pegou algumas fotografias antigas da Segunda Guerra Mundial e as combinou com fotos recentes e com mesma perspectiva. O resultado: uma série de portais temporais que nos ajudam a contextualizar a guerra na nossa realidade atual.

A técnica é bastante simples, mas bem engenhosa e eficaz, gerando resultados interessantes como o visto acima. Este é o lendário Marechal da União Soviética Georgy Zhukov. Em 1945, ele comandou a Primeira Frente Bielorrussa do Exército Vermelho, que tomou controle de Berlim com a Primeira Frente Ucraniana. Ele está olhando para a câmera, todo sério, nas escadas do Reichstag, rodeado por alguns de seus tenentes e um monte de turistas.


Continue lendo, e veja mais fotos, no Gizmodo Brasil.

Como foi feito o logo da Copa




Visto no blog do Luís Nassif.

Holanda sai do Afeganistão

Os talebans felicitaram a Holanda pela retirada de seus militares do Afeganistão, já que sua missão se encerra no próximo domingo, informou o jornal holandês "Volkskrant", que publica nesta quinta-feira uma entrevista com um porta-voz taleban.

"De todo coração, queremos felicitar os cidadãos e o governo da Holanda pela coragem que teve de tomar essa decisão independente", declarou Qari Yusuf Ahmadij, apresentado como o porta-voz dos talebans para o oeste e o sul do Afeganistão.

"Esperamos que os demais países que têm soldados no Afeganistão sigam o exemplo dos holandeses, e retirem suas tropas", acrescenta o porta-voz.

A questão da manutenção ou não no Afeganistão das tropas além da data marcada provocou a queda do governo holandês em 20 de fevereiro passado. Por falta de um acordo dentro da coalizão governamental, a missão não foi renovada, frustrando as expectativas da Otan.


Continue lendo no blog do Luís Nassif.

Feminicídio: do privado ao público; do ‘passional’ à associação criminosa

Maria Dolores de Brito Mota *
O assassinato de mulheres por questões de gênero, o feminicídio, é um crime cada vez mais reconhecido e há muito denunciado. Mas, a sua reprodução histórica apresenta mudanças que não podemos deixar despercebidas. Essas mudanças indicam mecanismos de atualização cotidiana da violência praticada contra as mulheres no contexto de relações desiguais de gênero que persistem, ainda que já exista uma consciência mundial e nacional contrária a tal desigualdade. No Brasil, apesar da Lei Maria da Penha, instrumento de criminalização dessa violência contra a mulher os crimes contra mulheres se sucedem de forma mais evidente.
Temos assistido nos últimos anos a mídia nacional, particularmente a mídia televisiva, apresentar casos de assassinatos de mulheres por seus ex-companheiros ou companheiros de relacionamento amoroso, que chamam a atenção por sua visibilidade, brutalidade e, em certo sentido, por uma inevitabilidade. Assim o foram os fatos que circunstanciaram as mortes de Maria Islaine de Morais, 31 anos (20/01/2010); Eloá Cristina Pimentel, 15 anos (16/10/2008), Mercia Nakashima, 28 anos (23/05/2010) e Elisa Samudio, 25 anos (desaparecida desde 4/06/2010): todos contendo elementos que indicam a emergência de novos procedimentos no processo do feminicídio do qual foram vítimas.

Segue AQUI.

‘A esquerda uruguaia teve a genialidade de juntar-se’

Ana Delicado: Entrevista a Lucia Topolansky, senadora por Frente Amplio no Uruguai.

No dia 26 de julho de 2010, o Uruguai celebrou 25 anos do fim da ditadura militar. A senadora pela Frente Amplio, Lucía Topolansky (Montevidéu, 1944), foi guerrilheira dos Tupamaros durante o regime (1973-1985) e passou 13 anos na prisão. É a única mulher a presidir o Senado de seu país e está casada com o atual presidente, José Mujica, a quem conheceu durante os anos de luta armada. Em um gabinete sóbrio, com uma foto do Che Guevara na parede, Topolansky descreve a experiência do Governo de coalizão encabeçado por Frente Amplio, que chegou ao poder em 2004.

- O Uruguai é um pequeno país entre dois gigantes, Brasil e Argentina. Como o país vê a si mesmo?

- É um dos países com instituições mais fortes da América Latina; apesar de que teve ditaduras de três a doze anos de duração, respectivamente. O uruguaio gosta de se expressar e de votar; é parte de sua idiossincrasia. Em inícios do século XX, foram feitas várias reformas sociais vanguardistas que deram uma perspectiva distinta ao Uruguai. Essas leis trouxeram a um país altamente alfabetizado a lei trabalhista de oito horas, a proteção sindical, o divórcio e o voto da mulher.

Segue AQUI:

Com inoperância da CIRH, povo é convocado a trabalhar pela reconstrução

O dia 12 de janeiro de 2010 marcou uma das maiores tragédias no Haiti. Após um terremoto de magnitude 7,3 na escala Richter, o país mal conseguiu contabilizar a quantidade de mortos, feridos e desabrigados. Mais de seis mais após a catástrofe, mesmo com inúmeras promessas de ajuda, sobretudo financeira, a nação caribenha continua destruída, com sua população abandonada, necessitando urgentemente iniciar os trabalhos de reconstrução.

Para este fim, de reerguer as estruturas físicas do Haiti, em 31 de março, em Nova York, nos Estados Unidos, o governo lançou e aprovou um Plano de Ação para a Recuperação e Desenvolvimento Nacional (PARDN). Não houve qualquer consulta aos demais atores sociais do Haiti. Além disso, o Plano veio seguido por outra medida, a criação da Comissão Interina para a Reconstrução do Haiti (CIRH).

Quatro meses após a tomada de decisões, as iniciativas se mostraram fracassadas. Conforme denuncia a Plataforma Haitiana de Incidência para um Desenvolvimento Alternativo (Papda), "este plano retoma as mesmas políticas que o país já havia se comprometido e não oferece nenhuma solução convincente para sair da crise".

Segue AQUI.

Colômbia: Paramilitares ameaçam novamente a dirigente camponês de Santander

A Associação Agrária, Asogras, denunciou ante a opinião pública nacional e internacional uma nova ameaça contra Cesar Augusto Tamayo, presidente da Asogras,

La Asociación Agraria de Santander, Asogras, denunció ante la opinión pública nacional e internacional una nueva amenaza contra Cesar Augusto Tamayo, presidente de Asogras, enviada em um envelope por paramilitares autodenominados “Águilas Negras”.


Vejam mais em KAOSENLARED.NET

Não houve consenso na reunião urgente de UNASUL com os chanceleres

Encontro de UNASUL termina sem consenso e chanceleres propõe encontro presidencial
Telesur.


O encontro extraordinário da União das Nações Sulamericanas (Unasul) terminou nesta quinta-feira sem consenso, de acordo com o chanceler equatoriano, Ricardo Patiño, que convidou os presidentes dos paises do bloco a discutir os pontos em que se avançou no encontro que buscava aliviar as tensões entre Colômbia e Venezuela.
(...)


Brasil propõe na Unasul cinco pontos para resolver diferenças entre Venezuela e Colômbia

Telesur (3.20 am estado español) .
O governo do Brasil pôs sobre a mesa da reunião extraordinária da União de Nações Sulamericanas (Unasul), que se leva a cabo nesta quinta-feira em Quito, uma proposta de cinco pontos em que se destaca o compromisso da Colômbia e Venezuela de resolver suas diferenças, e que ambos paises lutem contra os grupos armados ilegais, em particular os vinculados ao narcotráfico.


Vejam o texto completo em KAOSENLARED.NET

quinta-feira, 29 de julho de 2010

A bomba atômica brasileira: é assim que começa

Como já foi dito, o uso de balões de ensaio para “testar hipóteses” para possíveis futuros cursos de ação segue uma sequência lógica: o que hoje é delírio da imprensa de extrema-direira torna-se amanhã uma “ponderação” da imprensa “séria” e, na semana que vem, conforme as reações, surge como “preocupação” dos governos do clube atômico.

Nos poucos anos que se seguiram à adesão do Brasil ao Tratado de Não Proliferação, a acusação de que o Brasil mantinha um programa nuclear militar secreto era coisa de malucos babantes, mas foi aos poucos adquirindo respeitabilidade até instalar-se confortavelmente, pouco depois da posse do Lula, nas páginas da imprensa especializada, onde ficou dormitando por uns tempos até ser chamada a tarefas mais elevadas. Recentemente, surgiu nas manchetes da imprensa “respeitável” e vem percorrendo os circuitos habituais que essas coisas frequentam, dos blogues alarmistas às revistas especializadas. E jornais venerandos de países idem contam que a Agência Internacional de Energia Atômica, preocupada com as “zonas de sombra" do programa nuclear brasileiro, montou em maio deste ano uma “estrutura especial” de inspeção para fuçar as nossas instalações nucleares.


Continua no blog do Luís Nassif.

Empregados da Infraero consideram declarações de Serra MENTIROSAS

A ANEI (Associação Nacional dos Empregados da Infraero) emitiu nota contra as declarações José Serra (PSDB/SP). Segue a íntegra:


A ANEI além de lamentar a atitude antiética do presidenciável José Serra na sua campanha "política", REPUDIA as declarações MENTIROSAS e DESRESPEITOSAS do candidato. O que necessita esclarecer é se o candidato é MAL INFORMADO ou MAL INTENCIONADO...

A ANEI lamenta que um candidato à Presidência da República fale sobre o setor de infraestrutura aeroportuária, principalmente sobre a estatal 100% brasileira - INFRAERO, 2ª maior empresa operadora de aeroportos do mundo, que há 37 anos administra os principais aeroportos do país, sem um mínimo de coerência em seu discurso. Afirmar que a Infraero está toda loteada politicamente é faltar com a verdade, é desrespeitoso ao corpo gerencial da empresa, à sociedade brasileira, além de revelar despreparo do aspirante que seja.

A INFRAERO é uma Empresa Pública de direito privado, dotada de patrimônio próprio, autonomia administrativa e financeira, vinculada ao Ministério da Defesa, atua na construção, implantação, administração, operação e exploração industrial e comercial de aeroportos, apoiando a navegação aérea e realizando atividades correlatas atribuídas pelo Governo Federal. Assim, no intuito de atualizar as informações para os candidatos e para os críticos, pontuamos o seguinte:


Vejam o texto completo no blog OS AMIGOS DA PRESIDENTE DILMA

Uribe quer a guerra, para fugir da prisão

Lula tem explicou o paradoxo corretamente. Se o presidente eleito, Santos, quer melhorar as relações com a Venezuela, por quê o presidente que está saindo, Uribe, gera um conflito potencialmente bélico com Caracas? A resposta a este comportamento contraditório está na futura situação carcerária de ambos os presidente que compartilham uma extensa história delitiva: Uribe se encontra muito perto do cárcere, Santos estará protegido quatro anos mais por sua investidura de Presidente.

O expediente criminoso de Álvaro Uribe tem dois delitos que se estão convertendo na espada de Dâmocles da justiça colombiana e internacional contra o ex-Presidente. Em 9 e 13 de julho deste mês, Uribe foi acusado pela primeira vez diretamente pelos casos de espionagem telefônica e vigilância de personalidades da alta política colombiana. A acusação foi feita, nada menos, que pelo ex-Diretor Geral da Área de Inteligência da polícia secreta do regiem, "DAS", Fernando Alonso Tabares Molina. Sendo a justiça colombiana uma honrosa excessão à maioria das justiças classistas corruptas da América Latina, é muito possível que desta vez Uribe não escape da responsabilidade de have criado um proto-Estado paramilitar-narco, à sombra do Estado oficial; coordenado desde a Presidência e o DAS.

Vejam o texto completo em KAOSENLARED.NET

Ex-preso político retorna ao país após 30 anos encarcerado nos EUA

Após 30 anos encarcerado nos Estados Unidos, Carlos Alberto Torres saiu, ontem (26), em liberdade. A expectativa é que o ex-preso político desembarque, na tarde de hoje, no aeroporto Luis Muñoz Marin, em Carolina, Porto Rico, onde será recepcionado por artistas e militantes pela libertação porto-riquenha. Apesar das lutas e manifestações, Porto Rico ainda sofre com a colonização estadunidense e, desde 1952, vive na condição de Estado Livre Associado.

Torres estava preso nos Estados Unidos desde 1980 sob a acusação de conspiração sediciosa e de ser membro das Forças Armadas de Liberação Nacional. Apesar da liberdade e do retorno a Porto Rico, o ex-preso político não poderá estabelecer relações completas com outros prisioneiros libertos também acusados de conspiração sediciosa.

A ideia é que Torres seja recebido hoje no aeroporto de Porto Rico com o hino revolucionário "La Borinqueña", interpretado pelo cantor nacional Andy Montañez. Ativistas que lutam pela independência de Porto Rico aproveitarão a oportunidade e levarão bandeiras e cartazes representativos da liberdade.


Vejam mais em ADITAL

Camponeses colombianos rompem silêncio e denunciam chacinas

Os camponeses colombianos da nortenha zona de San Onofre, departamento Sucre, romperam o silêncio e decidiram expressar suas denúncias aos meios de comunicação em relação às chacinas cometidas pelos paramilitares desde sua incursão neste território há mais de 10 anos.

O Movimento de Vítimas na Colômbia registrou mais de 75 massacres com mais de 4 mil vítimas desde que chegaram os insurgentes ao povoado onde grande quantidade dos falecidos está enterrada em uma vala comum, enquanto que várias pessoas deslocadas não conseguiram voltar aos seus lares porque o Estado não lhes oferecem garantias suficientes.

Várias pessoas deram seus testemunhos sobre o assassinato e mutilação de alguns de seus companheiros e posterior enterro em valas comuns e do incêndio de fazendas pelas mãos dos paramilitares para que não houvesse qualquer evidência dos campos de concentração e treinamento que empregavam nesta zona.

Vejam mais em ADITAL

APÓS REUNIÃO COM ORTEGA, LULA ANUNCIA REUNIÕES COM CHÁVEZ E SANTOS

BRASÍLIA, 28 JUL (ANSA) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje, após reunir-se com o mandatário nicaraguense, Daniel Ortega, que pretende conversar com os presidentes da Venezuela, Hugo Chávez e com o presidente eleito da Colômbia, Juan Manoel Santos, para tentar restabelecer os laços diplomáticos entre as duas nações.

"Pretendo conversar muito com o Chávez, muito com o Santos, porque eu acho que é um tempo de paz e não de guerra", disse Lula na tarde de hoje, segundo a agência Brasil.

"Temos interesse da Unasul [União das Nações Sul-Americanas] construir a paz. Temos que restabelecer a normalidade nas relações entre Venezuela e Colômbia porque são dois países importantes para nós na América do Sul", complementou o mandatário após o encontro.


Vejam mais em ANSALATINA

Os diarios da guerra do Afeganistão de Wikileaks



Simon Rogers
The Guardian

A revelação de milhares de arquivos da guerra do Afeganistão feita por Wikileaks tem sido um trabalho de jornalismo de dados. Assim foi o que fizemos.

La revelación de miles de archivos de la Guerra de Afganistán hecha por Wikileaks ha sido una labor de periodismo de datos. Con esto fue con lo que lo hicimos.

Consultar o resumo de dados

Seleção do The Guardian dos fatos chaves procedentes dos arquivos do Afeganistão de Wikieleaks: os dados

Dados de Wikileaks dos ataques com artefatos explosivos no Afganistão

Bem, sempre quisemos reportagens baseadas em dados: agora as temos. Em grandes quantidades. Os esperávamos com ansiedade. Os diarios da guerra do Afganistão de Wikileaks representam uma vitória fabulosa do jornalismo sustentado em dados de investigação, não somente para nós, The Guardian , mas também para The New York Times e Der Spiegel .

Também é uma mostra de jornalismo com dados em ação. O que quisemos foi possibilitar que nossa equipe de repórteres especializados extraissem da informação histórias carregadas de humanidade; e nos propusemos analisa-las para desenhar uma imagem global, para mostrar o desenrolar real da guerra.

Tem sido um mês muito atarefado para nós que temos trabalhado com os dados no The Guardian ; assim é como temos chegado até aqui.

Vejam o texto completo com muitos links apontando planilhas, textos e outras referencias em REBELION.ORG


quarta-feira, 28 de julho de 2010

Tribunal russo ordena bloqueio do YouTube

Um tribunal na Rússia ordenou a um provedor local de internet o bloqueio imediato de cinco sites, entre eles o YouTube. A alegação é de que os usuários podem ter acesso a informações de extremistas.


Continua no Terra.

DEPOIS DE CRITICAR LULA, SERRA CONDENARÁ OBAMA POR RETOMAR NEGOCIAÇÕES NUCLEARES COM O IRÃ?

Aspas para o Departamento de Estado norte-americano, nesta 4º feira: "...os Estados Unidos estão dispostos a discutir com o Irã um plano de fornecimento de combustível para um reator de pesquisas médicas em Teerã em troca de parte do urânio baixamente enriquecido no país..." Não custa lembrar, porque a mídia demotucana fará isso com a máxima má vontade, os termos sinalizados pelo Departamento de Estado norte-americano são semelhantes aos parâmetros negociados em 18 de maio pelos governos do Brasil, Turquia e Irã.


Vejam em
Carta Maior

Anna Fermanova é a nova sexy espiã russa nos EUA




Poucas semanas após os EUA banirem a sexy espiã russa Anna Chapman, outra acaba de surgir: Anna Fermanova, de 24 anos, é acusada de contrabando de tecnologia militar para Moscou. Ela tem um piercing no umbigo e tem fotos de biquini no Facebook. Conheça a mais nova espiã sexy da América.

O site The Smoking Gun informa que Fermanova está em prisão domiciliar no Texas, aguardando seu julgamento por “consciente e intencionalmente” exportar por contrabando armas de visão noturna para Moscou. (Ela nega, e diz que as armas eram para caçadores profissionais.) Ela tem licença americana para estudar cosmética e ensina Inglês em Moscou.


Continua no Gizmodo Brasil. Mais fotos lá.

Legalização do aborto é questão de saúde pública e direito individual da mulher

Debate na 62ª Reunião Anual da SBPC mostra consenso dos pesquisadores em torno da polêmica.

À esteira do 3º Programa de Direitos Humanos do Brasil, pesquisadores recolocaram nesta terça, 27/07, na agenda política o tema do aborto como questão de saúde pública e direito individual da mulher.

A mesa redonda, realizada no auditório da reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), durante a 62ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira Para o Progresso da Ciência (SBPC), produziu um consenso de opiniões dos palestrantes Jefferson Drezett Ferreira, Thomaz Rafael Gollop e Estela Aquino.

Apresentados pela pesquisadora Rute M. G. Andrade, da SBPC, eles ofereceram dados e conceitos demonstrando a necessidade urgente da legalização do aborto para que as mulheres brasileiras possam receber um tratamento humanizado na rede hospitalar e fiquem livres da discriminação social a que continuam sendo vítimas por parte da sociedade brasileira. Os pesquisadores consideram inadmissível a interferência das igrejas numa questão que diz respeito "unicamente à individualidade das pessoas".

Vejam o texto completo em JORNAL DA CIÊNCIA-SBPC

Dilma Rousseff sugere 1,8% do PIB como meta de investimento em P&D

A candidata do PT à Presidência da República participou de encontro na 62ª Reunião Anual da SBPC, na tarde desta quarta-feira, dia 28, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), em Natal

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, sugeriu colocar como meta para a área de ciência e tecnologia, caso eleita, investir entre 1,8% e 2% do Produto Interno Bruto (PIB) em pesquisa e desenvolvimento (P&D). Hoje, o Brasil investe 1,35% do PIB, segundo dados do Ministério da Ciência e Tecnologia.

Em encontro promovido pela SBPC, a ex-ministra destacou ainda a importância da integração das políticas de C&T e educação para o desenvolvimento e soberania do país. Segundo Dilma, o "casamento" entre educação e a política de ciência, tecnologia e inovação é "uma das questões mais importantes para que o nosso país dê um passo decisivo na direção de se tornar desenvolvido, uma sociedade inclusiva e mais igual, uma nação soberana".

Vejam o texto completo no JORNAL DA CIÊNCIA-SBPC

Acidente em fábrica mata 5 pessoas e deixa mais de 100 feridos na China

Uma explosão em uma fábrica de plásticos na cidade de Nanjing, na província oriental chinesa de Jiangsu, causou a morte de pelo menos cinco pessoas e deixou mais de 100 feridos, 28 deles em estado grave, informou a agência oficial de notícias chinesa "Xinhua" nesta quarta-feira.

De acordo com a agência, mais de 100 pessoas foram levadas para hospitais próximos, enquanto a imprensa da cidade afirma que os feridos são aproximadamente 300, dos quais 50 estariam em situação grave.


Notícia da EFE, está disponível no UOL.

Análises americanas sobre o Brasil também vazaram no WikiLeaks

Entre os milhares de documentos revelados pelo WikiLeaks nos últimos anos, vários tratam da relação entre os EUA e o Brasil. Os principais temas são econômicos, como o comércio bilateral e a tarifa do etanol, e políticos, principalmente sobre a ascensão do país.

A notícia continua na Folha.com .

Luz verde para a construção do reator de fusão nuclear

Os sócios do grande projeto ITER aprovam o financiamento e o calendário em uma reunião extraordinária


O ITER segue em frente, ainda que a Europa não saiba todavía exatamente como vai pagar sua parte no projeto. Com um suspiro de alívio acolheu numerosa equipe do reator experimentl de fusão ITER a decisão dos sete sócios deste importante projeto científico internacional de aprovar a proposta de financiamento, o calendário de construção e funcionamento e o novo diretor que permitem que a grande aventura científica siga adiante. "Hoje é um dia para celebrar. Estados Unidos, Russia, Coréia do Sul, India, Japão, China e Europa tem dado seu apoio, apontando para o futuro e esquecendo as dificuldades presentes, a um projeto que pode revolucionar a maneira em que a energia é gerada em nosso planeta. Creio que todos devemos nos felicitar por esta esperança", comentou ao EL PAÍS Carlos Alejaldre, diretor geral adjunto do ITER.




Vejam mais em EL PAIS.COM

Charge de Allan Macdonald


Vejam em REBELION.ORG

Brasil: um outro patamar de desenvolvimento

Esse texto resume de forma ampla um conjunto de discussões que há cinco anos vêm se desenvolvendo no Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), refletindo a opinião e as propostas dos mais variados setores da sociedade brasileira. Uma das conclusões é que o Brasil está partindo, nesta segunda década do milênio, de um novo patamar. Em grande parte o futuro dependerá de como o Brasil administrará a equação da produção, do emprego, da renda e do meio-ambiente. O Brasil tem aberto novos caminhos, mas os desafios são grandes. O artigo é de Ladislau Dowbor.

O Brasil está partindo, nesta segunda década do milênio, de um novo patamar. Resistiu de forma impressionante à maior crise financeira desde 1929, e está apontando rumos baseados fundamentalmente no bom senso, e numa visão equilibrada dos interesses econômicos, das necessidades sociais, e dos imperativos ambientais. A visão econômica tradicional, presa às simplificações do Consenso de Washington, envelheceu de repente, e não corresponde aos desafios de uma sociedade moderna e complexa, que tem de buscar novas articulações de política econômica, social e ambiental.



O texto completo pode ser visto em CARTA MAIOR

A melhor notícia do ano! E viva la bela polenta!

Justiça Federal do Paraná suspende liberação de milho transgênico.

Decisão anula autorização do milho Liberty Link, da Bayer, e reprova atos da CTNBio.

De acordo com uma decisão da Justiça Federal do Paraná, proferida ontem (26/7), a Bayer deve deixar de comercializar o milho transgênico Liberty Link em todo o país, pela ausência de um plano de monitoramento pós-liberação comercial. A sentença também anula a autorização da liberação especificamente nas regiões Norte e Nordeste do Brasil por não haver estudos sobre os impactos do ceral geneticamente modificado nos biomas dessas regiões.

A decisão atende parcialmente à ação civil pública movida em 2007 pelo Idec e as organizações Terra de Direitos, Assessoria e Serviços a Projetos em Agricultura Alternatia (AS-PTA) e Associação Nacional de Pequenos Produtores (Anpa).

Além de contestar a autorização do milho, a ação exige da Comissão Técnica de Biossegurança (CTNBio), órgão responsável pela liberação de transgênicos no país, a análise adequada de riscos à saúde e ao meio ambiente, a informação e a não contaminação genética – direitos fundamentais dos cidadãos.

Assim que a decisão for publicada, a Bayer deverá suspender imediatamente a comercialização, a semeadura, o transporte, a importação e até mesmo o descarte do Liberty Link, sob pena de multa diária de R$50 mil. LEDE A MATÉRIA COMPLETA, PARA VOSSO PRAZER, NO ECODEBATE.

DESQUALIFICADO

Esse é um dos debates mais desqualificados de toda a história das campanhas eleitorais desde a redemocratização."

(Dilma Rousseff, sobre a tentativa de Serra de se credenciar como o novo Álvaro Uribe da AL, com um discurso beligerante contra Lula e o PT; 28-07)



Vejam em Carta Maior

terça-feira, 27 de julho de 2010

Iraque está pior do que antes da guerra, diz ex-inspetor

O ex-inspetor de armas da ONU Hans Blix disse nesta terça-feira que alertou em 2003 os Estados Unidos e a Grã-Bretanha sobre sua falta de convicção na existência de armas proibidas no Iraque, o que não dissuadiu Londres e Washington de invadirem o país.

Blix disse a uma comissão de inquérito britânica que o Iraque em 2003 não era uma ameaça ao mundo, e que os anos de anarquia como consequência da invasão podem ter sido piores do que a tirania exercida antes pelo ditador Saddam Hussein.

"O Iraque estava em perigo em 2003? Não estava em perigo. Eles estavam praticamente prostrados. Em vez disso o que eles tiveram foi um longo período de anarquia. E uma conclusão que eu tentaria tirar é de que a anarquia pode ser pior que a tirania", disse ele.


Continua no Terra.

Polícia reconstitui agressão a vigilante negro no Carrefour de Osasco (SP)

Após quase um ano da agressão contra o vigilante Januário Alves de Santana, 40, no supermercado Carrefour em Osasco (Grande SP), será feita a reconstituição do crime, na manhã desta terça-feira. Santana, que é negro, afirma ter sido vítima de racismo.

Na época, a vítima foi espancada após ter sido confundida com um assaltante, quando tentava entrar em seu carro --um Ford EcoSport--, que estava parado no estacionamento, no dia 7 de agosto. O carro estava registrado no nome da mulher de Santana, que fazia compras no mercado com os dois filhos do casal.



A notícia continua na Folha.com .

A revolução no Cefet

Para quem discursa, então, o candidato do governo que entre 1995 e 2002 quase desmontou essa mesma rede que hoje diz querer expandir? Por que acreditar naquele que participou de um governo que quase não contratou professores e negou sistematicamente melhoria das condições salariais e de trabalho aos técnico-administrativos e professores da rede federal de ensino técnico e tecnológico e não naquela que representa o governo que não apenas salvou o modelo, como lhe deu estatuto legal (que não possuía), lhe dobrou o número de escolas e mudou, radicalmente, sua qualidade? Por fim, por que Serra fala indistintamente sobre isso sem que ninguém o questione ou duvide de suas boas intenções?


Confira o texto completo no blog do Luís Nassif.

Rússia diz que sanções da UE contra Irã são "inaceitáveis"

A Rússia disse nesta terça-feira que novas sanções da União Europeia contra o Irã prejudicam as tentativas internacionais de resolver as preocupações sobre o programa nuclear do país, atrapalhando as esperanças de uma cooperação mais próxima entre Moscou e o Ocidente sobre a questão.

Continue lendo o texto da Reuters, no UOL.

A última palhaçada de Mister Uribe

Boletín quincenal Nº 120 -Por PDF y Alba TV - A duas semanas de deixar a Casa de Nariño, Alvaro Uribe montou um show midiático que será lembrado quiça como sua última grande arremetida contra a Venezuela; a que derramou um vaso cheio durante anos de agressões e mentiras que desencadeou na lógica de ruptura de relações. A tragicomica teatralização do embaixador colombiano ante a OEA, Luis Alfonzo Hoyos (inabilitado de atuar em seu parlamento por corrupção) arreganhou de vez e descaradamente o estigma pró-imperialista do saltitante governo.

Na sessão extraordinária da quinta-feira passada na OEA, Hoyos esbravejou contra o processo bolivariano durante mais de hora e meia, e apenas mostrou algumas fotos e vídeos para intentar demonstrar a presença guerrilheira no território venezuelano. Fotos e vídeos que poderiam ser de qualquer parte do mundo e em qualquer momento. Os mapas da Google para reforçar suas hipóteses colaboraram com o toque bizarro da exposição.


Vejam o texto completo em PRENSA DE FRENTE (Noticias de los movimentos populares pelo cambio social)

Uribismo e pentagonismo novamente se dão as mãos

Primeiro foi o ataque contra o Equador, logo depois a instalação das sete bases militares na Colômbia e agora a porcaria político-midiática da presença das FARC

Das mãos do pentágono e do governo de Álvaro Uribe na Colômbia se traça a estratégia do governo dos Estados Unidos da América, e do presidente Barak Obama, para dividir a América Latina e o Caribe em seu afã por recobrar a hegemonia perdida nos ultimos anos em nossa região.

Iludidos quem pensou que com Obama iria mudar a política exterior ianque. São inumeráveis os argumentos que desmentem tal apreciação. O primeiro deles é muito simples: nenhum presidente ianque pode governar contra o "Estado Profundo", Obama é prisioneiro de uma lógica que o impede de tomar decisões de forma independente, a realidade de um governo "de fato" detrás da presidência faz com que sua capacidade de manobra política seja pouco menos que uma imitação. Dito por Chomsky: "sob o controle do Pentágono, não há regras, tudo é válido".

No que respeita ao "pentagonismo", termo cunhado por Juan Bosch, presidente dominicano derrubado pela intervenção militar ianque de 1965, para designar o conteúdo das agressões e golpes militares contra governos democráticos na América Latina desde então, podemos dizer que parece recobrar nova vida com o governo de Barak Obama e seu secretário de defesa Robert Gates.


Vejam o texto completo em LA HAINE.ORG

Confirmada na Colômbia a maior fossa comum da América Latina

Restos de pelo menos duas mil pessoas enterradas perto de um batalhão do Exército. Não se descarta que esses corpos sejam produtos dos chamados "falsos positivos".

Uma delegação da Europa e Estados Unidos, liderada por seis eurodeputados, confirmou nesta sexta-feira depois de uma audiência pública na localidade de Macarena (sudeste) da Colômbia, a existência de uma fossa comum com dois mil cadáveres não identificados.

A correspondente da TELESUR na Colômbia, Tatiana Pérez, informou que a delegação chegou até o cemitério para verificar o lugar em que se encontram os cadáveres. Segundo cifras da comunidade poderiam ser uns dois mil mortos, enquanto que o governo colombiano assegura que são 450.
(...)
Nessa audiência também se conheceu a grave crise humanitária nas planícies orientais da Colômbia, como consequência do Plano Colômbia, promovido pelos Estados Unidos para "lutar" contra o narcotráfico e o crime organizado.

Presume-se que os corpos sejam de vítimas que eram consideradas como subversivos mortos em combate mas de acordo com testemunhas de camponeses, trata-se de centenas de assassinatos cometidos pelo Exército da Colômbia.

Vejam o texto completo em LA HAINE.ORG



Charge do Kike Estrada

Vejam em REBELION.ORG

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Jailbreak é legal, concluem reguladores federais dos EUA

Parecer estabelece que consumidores que desbloqueiam seus smartphones não estão sujeitos a processo criminal, mas sob condições.

Se você fizer jailbreak em seu iPhone para instalar software de terceiros, poderá fazê-lo com a tranquilidade de saber que não estará violando as leis americanas de direitos de propriedade intelectual, segundo parecer de reguladores federais americanos divulgado nesta segunda-feira (26/7).

Oficiais da Biblioteca do Congresso dos EUA decidiram, nesta segunda-feira, que os consumidores que burlam as proteções digitais de seus smartphones para instalar aplicações não aprovadas – uma prática popularmente conhecida como jailbreaking – estão livres de serem processados com base na cláusula de combate a contornos desse tipo da Digital Millennium Copyright Act (DMCA).

A notícia continua no IDGNow!

TSE rejeita punição ao Google e a blogueiro pró-Lula

O ministro Henrique Neves negou o pedido de aplicação de multa apresentado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) contra a Google Brasil Internet e José Augusto Aguiar Duarte, hospedeira e autor, respectivamente, de um blog denominado osamigosdopresidentelula. O MPE pedia ainda a retirada do ar do site e a suspensão do acesso de todo conteúdo informativo.

Sobre a suspensão do acesso ao conteúdo do Blog, o ministro Henrique Neves ressaltou que “Ultrapassado o dia 6 de julho, o fundamento invocado pelo Ministério Público para requerer a suspensão do conteúdo não está mais presente”, pois a propaganda eleitoral já se encontra permitida.

Continue lendo no Convergência Digital.

Deportação de imigrantes aumenta no governo Obama, diz "Washington Post"

Numa tentativa de reforçar o cumprimento das leis de imigração -- em meio às discussões sobre a reforma migratória e a polêmica lei do Arizona -- o governo do presidente dos EUA Barack Obama vem aumentando o número de deportações e auditorias em empresas em busca de imigrantes ilegais.

As informações são do jornal americano "Washington Post" que publicou reportagem especial sobre o tema em sua edição desta segunda-feira.

De acordo com o diário a agência de Imigração e Alfândega espera deportar cerca de 400 mil pessoas neste ano fiscal, cerca de 10% a mais do que o total de imigrantes expulsos do país em 2008 e 25% mais do que em 2007, ainda no governo de George W. Bush.


A notícia continua na Folha.com .

O clube dos países atômicos

Há uma guerra acontecendo, e as potências nucleares vêm se preparando para ela, e tomando posições estratégicas, desde antes mesmo que os seus adversários percebessem que havia uma disputa. O Irã é o atual campo de batalha desta guerra, o lugar onde eles vão dar mais um passo para garantir o seu poder. É por isso que a Turquia e o Brasil não poderiam ser autorizados a negociar uma saída para o impasse nuclear iraniano, é por isso que a Declaração de Teerã tinha de ser ignorada e uma nova rodada de sanções precisava ser imposta ao Irã: a única solução aceitável para eles é que os iranianos renunciem ao direito de desenvolver a sua própria tecnologia nuclear para fins civis, independentemente de esse direito estar consagrado nas leis internacionais e em tratados internacionais em vigor. E essa "solução" tem de ser alcançado pelos seus próprios esforços e meios, e não pela intervenção de novatos intrometidos como o Brasil ou a Turquia. Esses países têm de ser mantidos no seu lugar como parte do problema e nem por um momento devem achar que podem ser parte da solução.

A meta atual das potências nucleares, que a vêm perseguindo com diligência nas duas últimas décadas, passo a passo, é fazer com que o desenvolvimento do ciclo completo da tecnologia nuclear para fins civis seja um monopólio de quem já o domina, os "estados nucleares" do Tratado de Não Proliferação. Os meios para esse fim são o Protocolo Adicional do TNP, tornando as inspeções intrusivas da AIEA obrigatórias para todos os países (exceto os estados nucleares, é claro), e a proibição de transferências internacionais de tecnologia nuclear, mediante novas regras sobre o comércio nuclear impostas pelo Grupo de Fornecedores Nucleares (GFN). Depois de estabelecido o precedente iraniano, fixando o “direito” das potências nucleares a forçar um país a renunciar aos seus direitos, eles vão resolver os "problemas" restantes: Brasil, Turquia, Argentina, Coreia do Sul, Paquistão, África do Sul e, em última instância, a Índia, já objeto de pesadas pressões americanas nas negociações do NSG, apesar de ter firmado em 2008 um acordo de cooperação nuclear com os Estados Unidos.


Confira o texto completo no blog do Luís Nassif.

Cartas perdidas após queda de avião há 60 anos são achadas nos Alpes

Estudantes escoceses encontraram, por acaso, uma sacola de cartas que se perdeu depois que o avião que as transportava se acidentou nos Alpes italianos há 60 anos.

Por causa do movimento dos glaciais, a correspondência viajou mais de três quilômetros de distância e desceu mais de 2,5 mil metros de altitude ao longo dos anos.

A sacola foi encontrada por acaso por estudantes de Geografia da Universidade de Dundee que recolhiam dados para uma pesquisa sobre os efeitos da mudança climática na região.

A notícia, da BBC Brasil, continua no UOL.

O fim de uma era de infâmia

Diogo Mainardi está saindo do país. Na sua crônica, brinca com o medo de ser preso. É medo real. Condenado a três meses de prisão pelas calúnias contra Paulo Henrique Amorim, perdeu a condição de réu primário. Há uma lista de ações contra ele. As cíveis, a Abril paga - como parte do trato. As criminais são intransferíveis. E há muitas pelo caminho.

Continue lendo no blog do Luís Nassif.

Datafolha: Explicação piora situação de Aécio

A explicação do Datafolha para o total de 144% é que existem duas vagas para o Senado. Dessa forma a totalização de intenções daria 200%

“Quanto mais explica, mais complicado fica” - ditado popular.

Em contato com Novojornal após publicação da matéria: “Soma de preferência em pesquisa para Senado em Minas dá 144%”, representante do Datafolha explicou que a existência do total de 144% de intenções de votos para eleição ao Senado em Minas Gerais deve-se ao fato de o pesquisado escolher duas opções. Dessa forma, soma das intenções de votos na pesquisa para o Senado, por ser duas vagas darão 200%.

Vejam mais a respeito da "explicação" em NOVO JORNAL

Chávez ameaça cortar envio de petróleo aos Estados Unidos

Em meio à crise com a Colômbia, o presidente da Venezuela Hugo Chávez disse neste domingo ter cancelado sua viagem a Cuba diante do que classificou de "possibilidades como nunca nos últimos anos" de uma agressão armada contra o seu país.

Caso o suposto ataque se concretize, ele ameaçou cortar o envio de petróleo aos Estados Unidos, considerado por ele, "o grande culpado".

"Avaliando informações de inteligência (...) a possibilidade de uma agressão armada contra território venezuelano, tem uma probabilidade como nunca teve nesses anos", afirmou Chávez, ao anunciar o cancelamento da viagem a Cuba, prevista para este domingo.


Continue lendo na BBC Brasil.

Marinha quer "ampliar ingerência da comunidade científica" em suas atividades

Em conferência na 62ª Reunião Anual da SBPC, contra-almirante Ilques Barbosa defende maior interação entre a Força Armada e cientistas a fim de garantir a soberania nacional.

A Marinha pretende aumentar a influência de cientistas civis em suas atividades. A afirmação é do contra-almirante Ilques Barbosa Junior, secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação da Marinha, que apresentou conferência na 62ª Reunião Anual da SBPC na segunda-feira (26/7). De acordo com o militar, a força está em busca de mais parcerias com instituições de pesquisa brasileiras não só para desenvolvimento de tecnologias como para debate das estratégias militares a serem adotadas.


Vejam mais em JORNAL DA CIÊNCIA-SBPC

O imperialismo planeja novas guerras

O aprofundamento da crise estrutural do capitalismo e as consequências econômicas e políticas da decadência relativa dos EUA e dos países imperialistas da Europa, estão gerando novos conflitos potenciais em uma situação internacional de transição. A história nos diz que essas situações podem redundar em mais instabilidades, tensões e conflitos armados. E existem planos de guerra dos EUA e da OTAN para vários continentes.

Por Ricardo Alemão Abreu


O imperialismo não está disposto a ceder poder sem opor resistência. Um exemplo recente é o que acontecido depois do Acordo Brasil-Irã-Turquia. O acordo diplomático foi uma vitória das forças defensoras da paz, da soberania e da autodeterminação dos povos, e desmascarou as reais intenções do imperialismo dos EUA e seus aliados europeus, que não estão interessados na paz, mas em limitar o desenvolvimento tecnológico de outras nações para assegurar o seu monopólio da energia nuclear, mesmo para fins pacíficos; e ainda promover a subordinação dos países a uma ordem internacional baseada na opressão e na guerra imperialista.



Vejam o texto completo em PRAVDA.RU

Serra no poder: O sucateamento da saúde pública paulista

Desde 1998, com a eleição de Covas e a edição/promulgação de um projeto de lei pelo então presidente FHC, as Organizações Sociais (OSs) passaram a gerir uma série de instituições hospitalares Brasil afora, mas encontraram no Estado de São Paulo seu porto pacífico.

A partir de então, os hospitais e serviços de saúde, que vinham sendo administrados diretamente pelas autarquias municipais e estaduais tiveram seu gerenciamento progressivamente terceirizado, privatizado – sempre pelas mesmas (e poucas) empresas (OSs), e sempre sem licitação.

O esquema, de contratos milionários, envolve aquilo que FHC e Serra fizeram enquanto foram gestores federais: sucateamento e pauperização crescentes das estruturas públicas, principalmente as hospitalares e educacionais, e desvalorização de seus funcionários, para que o argumento privatizador pudesse encontrar respaldo junto à população em geral, com o devido apoio das corporações midiáticas.. E assim foi. E assim continua sendo São Paulo. Artigo de Carta Maior. Leia no Vi o Mundo.

Especialistas russos não tem resposta precisa sobre as causas do sinistro da corveta sulcoreana Cheonan

Moscou, 24 de julho, RIA Novosti. Os especialistas militares russos que viajaram a Coréia do Sul não chegaram a uma conclusão unívoca sobre as causas do sinistro da corveta sulcoreana Cheonan, declarou hoje o comandante da Marinha de Guerra da Rússia, almirante Vladímir Visotski.

"Como resultados dos esforços de nossos especialistas, surgiram umas perguntas que todavía não temos recebido respostas precisas. Me abstenho de fazer outros cometários de momento"; disse o almirante entrevista pela emissora de rádio Eco de Moscou, ao comentar os resultados da viagem dos especialistas russos ao lugar da catástrofe.

Vejam mais em RIA NOVOSTI

Afeganistão: Gigantesca fuga de informação do exército dos EUA

Ficheiros secretos norte-americanos provam que centenas de civis foram mortos pelas tropas da NATO e revelam, pela primeira vez, que os EUA criaram uma força especial para “matar ou capturar” líderes taliban.

Numa das maiores fugas de informação, de sempre, do exército norte-americano, foram disponibilizados aos jornais Guardian, New York Times e Der Spiegel mais de 90.000 documentos colocados online no site wikileaks.org. Os documentos são relatórios de incidentes e de segurança no período de Janeiro de 2004 a Dezembro de 2009.



Vejam mais em ESQUERDA.NET

A privatização da segurança e a democracia nos EUA

Empresas privadas estão atuando em todos os setores que cuidam da segurança nacional dos serviços de inteligência dos EUA (cerca 70% do orçamento). Com o fim da Guerra Fria, as companhias militares privadas passaram a converter-se em soluções do mercado frente às novas tendências à privatização de várias funções governamentais. Crescimento do mercado privado de segurança anda de mãos dadas com a também crescente avaliação nos EUA de que as democracias não conseguem vencer as “pequenas guerras”, principalmente porque as exigências morais e políticas vão muito além do que a oposição doméstica está disposta a aceitar. O artigo é de Reginaldo Nasser. Durante essa semana os jornais noticiaram a morte de três seguranças da embaixada dos EUA em Bagdá, sendo que dois deles eram de Uganda e o outro do Peru, todos contratados por uma empresa privada de segurança. De certa forma a presença desses agentes de segurança não é um fenômeno novo, mas o que é novo é a dimensão desses fornecedores internacionais de segurança privada, cujo tamanho e especialização são equivalentes, e por vezes superiores, às forças armadas de vários Estados.


Vejam mais em CARTA MAIOR

Um vazamento revela as dificuldades dos EE.UU. no Afeganistão

Informes de campo do Exército ianque revelam mortes de civis, o jôgo duplo do Paquistão e a frágil posição da OTAN

O vazamento de cerca de 90.000 papéis de informes militares ianques classificados sobre a guerra do Afeganistão tem revelado operações encobertas, mortes de civis que nunca foram informadas publicamente, a debilidade da OTAN na zona e a implicação do Afeganistão (sic) na resistência talibã.

Os documentos foram facilitados pela organização Wikileaks ao The New York Times nos Estados Unidos, The Guardian no Reino Unido, e Der Spiegel na Alemanha, antes de coloca-los em sua própria página na Internet.

Os informes, que vão de 2004 a 2010, demonstram que os EE.UU. tem ocultado tantas provas de suas próprias atuações fora da lei como do poderio militar acumulado pelos talibãs e os sangrentos massacres que tem protagonizado, matando até uns 2.000 civis até então.


Vejam mais em EL PAIS.COM


Os Estados Unidos é o maior terrorista do mundo"

Entrevista com o intelectual norteamericano Noam Chomsky

Luis Ángel Murcia
Semana

"A Colômbia tem o maior recorde de violação de Direitos Humanos desde o intervencionismo militar dos Estados Unidos"

Noam Abraham Chomsky, intelectual estadunidense pai da linguística e polêmico ativista por suas posturas contra o intervencionismo militar dos Estados Unidos, visitou a Colômbia para ser homenageado pelas comunidades indígenas de Cauca.

A colina El Bosque, um pedaço de vida natural ameaçada pela riqueza aurífera que esconde em suas entranhas, desde a semana passada tem uma importância de nível internacional. Essa reserva localizada no centro de Cauca, muito próxima do Maciço Colombiano, é o cordão umbilical que hoje tem os indígenas da região conectados com um dos intelectuais e ativistas da esquerda democrática mais prestigiosos do planeta. Noam Abraham Chomsky. Aqueles que o conhecem asseguram que é o ser humano vivo cujas obras, livros escritos ou reflexões, são os mais lidos depois da Biblia. Sem dúvida o senhor Chomsky, com 81 anos de idade, é toda uma autoridade em geopolítica e Direitos Humanos. Sua condição de cidadão americano lhe dá autoridade moral para ser considerado um dos mais recalcitrantes críticos da política expansionista e militar que os Estados Unidos aplica no hemisfério. Em seu país e na Europa é escutado e lido com muito respeito, vem ganhando todos os premios e reconhecimentos como ativista político e suas obras tanto em linguística como análise política tem sido premiadas.

Sua passagem discreta pela Colômbia não era oferecer as laureadas conferências, senão para receber uma particular homenagem da comunidade indígena que vive em Cauca. A colina El Bosque foi rebatizada como Carolina, que é o mesmo nome de sua esposa, a mulher durante quase toda sua vida o acompanhou. Ela morreu em dezembro de 2008.


Vejam a entrevista em REBELION.ORG


As ultimas mentiras de Hillary Clinton

Em 2009, as 16 agencias de inteligência dos EE.UU. publicaram um informe unanime de que o Irã havia abandonado seu programa de armas em 2003.

A BBC informou em 4 de julho que a secretária de Estado dos EE.UU., Hillary Clinton, disse que a base estadunidense de mísseis balísticos na Polônia não se dirige contra a Rússia. O propósito da base, disse, é proteger a Polônia da ameaça iraniana.


Por que ia o Irã constituir uma ameaça para a Polônia? O que passa com a credibilidade dos EE.UU. quando a secretária de Estado faz uma declaração tão estúpica? Pensa Hillary que está enganando os russos? Há alguém no mundo que acredita? Qual é o sentido de uma mentira tão evidente? Para encobrir um ato de agressão dos EE.UU. contra a Rússia?


Vejam mais em LA HAINE.ORG


domingo, 25 de julho de 2010

O belicismo estadunidense-israelense cresce e é possível um próximo ataque ao Líbano

Mahmud Abbas, presidente de fato da Autoridade Palestina, dirigiu uma mensagem aos palestinos do Líbano para pedir-lhes que não saiam aos campos de refugiados durante a guerra anunciada.

Os indicios de perigo tem aumentado no Líbano e a tensão tem aumentado consideravelmente em apenas três semanas.
Primeiro se produziram as arbitrarias intervencões dos soldados franceses da FINUL (Força Interina das Nações Unidas para o Líbano). A pedido de Israel, os soldados franceses da FINUL trataram de penetrar ilegalmente nos domicilios de supostos membros da Resistencia libanesa para confiscar suas armas. E fueron rechaçados pela população, armada de paus e de pedras, com um saldo de 2 feridos. O incidente chegou até ao Conselho de Segurança da ONU. Ainda que os capacetes azuis franceses cumprissem ordens do ministro da Defesa da França, Hervé Morin, a França pediu desculpas pela boca do secretário geral da presidência da República, Claude Guéant.


Vejam mais em KAOSENLARED.NET

26 de Julio: Un aniversario más del Movimiento de la Revolución Cubana


Camilo y el Che miran a Martí y alumbran nuestra noche

Vejam em KAOSENLARED.NET

Testemunhos gráficos da violência policial espanhola contra a juventude galega

Apelamos nesta humilde página de contra-informaçom anticapitalista galega à difusom das provas da violência que a polícia espanhol utiliza de forma indiscriminada contra a juventude independentista.

Aconteceu neste sábado, dia 24 de Julho, na capital galega, Compostela, durante umha manifestaçom pacífica convocada por Briga, organizaçom juvenil da esquerda independentista galega.

Quando as 150 pessoas que se manifestavam pola independência galega e contra a crise capitalista quigérom aceder à zona velha da cidade, por volta das 22h30 horas, produziu-se umha carga indiscriminada que acabou com duas moças no hospital e muitas mais feridas e espancadas.

Apresentamos umha pequena mostra gráfica de uns factos que se repetem com demasiada freqüência nas ruas da Galiza, onde a polícia espanhola pratica umha violência indiscriminada contra os sectores populares que se manifestam por causas justas, e que a esquerda independentista e anticapitalista sofre de maneira especialmente dura.


Vejam o texto completo e outras imagens da violência em KAOSENLARED.NET

A mídia brasileira é um cardume de serrasalminae?

O prezado leitor Gaio Grimald encaminha uma questão difícil:

Gostaria de propor algo que até agora é misterioso para mim:
– Levando em consideração que a mídia de massa tradicional brasileira age como Bando, reagindo à excitação instintivamente e agindo em ataque e defesa coordenadamente, comparáveis a um cardume de serrasalminae;
Analise por favor, como um grupo antes tão diversificado, fomentador de mentes criativas e humanas, regrediu a ordem natural darwiniana para estes cabeças-de-peixe atuais em vias de extinção.
Outro grupo que aparenta alguns parcos indícios do mesmo mal é o de Exmos do STJ brasileiro..

Segue minha resposta:

Creio que esse processo seja melhor explicado pela psicologia social ou pela sociologia. A análise psicanalítica apenas apresentaria explicações pontuais e limitadas a alguns indivíduos. Assim, prefiro não me arriscar nesses dois campos nos quais não sou especialista.

Mas não posso deixar de comentar sua menção à “regressão darwiniana” mencionada pelo estimado leitor. A palavra regressão é perigosa, porque o senso comum a associa à um retrocesso, à volta a uma situação inferior. A teoria da evolução não comporta essa idéia de inferioridade entre os seres. Ela baseia-se na capacidade de adaptação ao ambiente como atributo fundamental para a sobrevivência. Assim, talvez se possa utilizar a idéia de adaptação e sobrevivência para explicar o comportamento dos jornalistas. Um pequeno exemplo pode nos ajudar:


Vejam o texto completo no blog DR.JULIUS SODENBERG