sábado, 11 de dezembro de 2010

Mídia Livre terá espaço no RS


Tarso concede entrevista a blogueiros e anuncia Secretária de Comunicação

Porto Alegre/RS - O governador eleito do RS, Tarso Genro, já declarou que pretende implantar no Estado projetos que foram bem-sucedidos a nível federal. No dia 24 de novembro, o presidente Lula recebeu blogueiros no Palácio do Planalto. Nesta sexta (10), foi a vez de Tarso Genro receber cerca de vinte blogueiros gaúchos (foto acima). No encontro, o futuro governador gaúcho anunciou Vera Spolidoro como secretária de Comunicação e Inclusão Digital.
Por cerca de uma hora e meia, o governador eleito foi questionado sobre temas como a renovação do Cais do Porto e a criação de um Conselho de Comunicação. “É importante para sociedade ter uma ferramenta para nortear os veículos de comunicação, não para cercear a liberdade de informação. Ao mesmo tempo que esse projeto é criticado pela grande mídia, não vejo na imprensa um movimento em defesa do criador do Wikileaks, que forneceu informação de forma gratuita a jornais e agora sofre perseguição sistemática”. (..)  -Leia mais Clicando Aqui

Wikileaks: Com ajuda de José Serra, americanos de olho no pré-sal

Petrolíferas estrangeiras temiam atraso na produção. Petrobras buscou adiar leilões da ANP

Telegramas sobre perspectivas de negócios no pré-sal, enviados ao governo americano por funcionários do Consulado dos EUA no Brasil, entre 2008 e 2009, revelam "uma aparente" estratégia da Petrobras de adiar os leilões da Agência Nacional do Petróleo (ANP) para assegurar a dianteira em futuras licitações de blocos do pré-sal e o receio de empresários americanos com eventuais atrasos na produção petrolífera dos novos campos. Segundo os executivos, isso poderia levar o governo a obrigá-los a vender sua produção à Petrobras para garantir a segurança energética do país. Os documentos, obtidos pelo GLOBO, mostram ainda que as descobertas de grandes reservas nessa região trariam ganhos políticos para a então provável candidata do governo à presidência, Dilma Rousseff.

"Se Dilma Rousseff de fato concorrer para a presidência em 2010, é possível que esses desenvolvimentos de (campos) de petróleo e gás, combinados com os projetos de infraestrutura planejados em larga escala pelo governo, estimulem sua candidatura", disse a então cônsul-geral dos EUA no Brasil, Elizabeth Lee Martinez, em documento escrito após a revelação, pelo diretor-geral da ANP, Haroldo Lima, de que a área de Carioca, no pré-sal da Bacia de Santos, tinha mais de 33 bilhões de barris de petróleo. A afirmação, feita em abril de 2008, causou desconforto entre executivos da Petrobras e na própria ANP na época, pois as estimativas não haviam sido certificadas.


Vejam mais detalhes no blog OS AMIGOS DA PRESIDENTE DILMA


Sistemas de ensino vivem crise em todo o mundo, avalia especialista

Amanda Cieglinski
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Os resultados do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), divulgados esta semana, mostram que muitos países considerados referência em qualidade de educação não conseguiram melhorar o desempenho ou até mesmo pioraram – como o Reino Unido, a Holanda, França e Austrália. Para o especialista em educação e ex-representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil Jorge Werthein, os números mostram que “todos os países estão enfrentando uma crise em qualidade de educação”.

A prova é aplicada a cada três anos pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) e avalia o conhecimento de estudantes de 15 anos de idade em matemática, leitura e ciências. Em 2009, participaram 65 países. O Brasil, apesar de ter melhorado seus resultados, ficou em 54° lugar. A média dos países-membros da organização ficou inalterada.

Vejam mais detalhes em AGÊNCIA BRASIL

CD-Rom vai mostrar aos estudantes história das vítimas da ditadura

A história de 394 mortos e desaparecidos durante a ditadura militar (1964-1985) será conhecida dos estudantes do ensino médio de todo o Brasil. O relato está em um CD-ROM, elaborado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que será distribuído pelo governo federal para oito mil escolas públicas.

Montado a partir dos arquivos do projeto Direito à Memória e à Verdade, da Secretaria de Direitos Humanos (SDH) e outros documentos e com o apoio do Ministério da Educação (MEC), o CD-ROM conterá mais do que a biografia dos perseguidos políticos. Abordará também a criatividade da cultura brasileira no períodoque vai de 1962 a 1985.

Trezentas canções - Através do material, professores e estudantes conhecerão melhor o contexto histórico e cultural do período com acesso a quatro mil fotografias e ilustrações. E mais trechos de 300 canções e filmes que remetem o espectador/ouvinte para uma viagem no tempo circulando por três décadas da história do país, desde o governo constitucional de João Goulart, passando pelo golpe militar, a consolidação do autoritarismo até o retorno da democracia.

Vejam mais detalhes em BRASILIA CONFIDENCIAL

Pascual Serrano: "O divórcio entre a realidade e o que chega às mídias é abismal"


O escritor e jornalista Pascual Serrano é assessor editorial da cadeia latino-americana TeleSur e colabora no Le Monde Diplomatique, além de co-fundador de Rebelión. Seu último livro, Desinformación. Cómo los medios ocultan el mundo (Ed. Península), chegou a cinco edições, apesar do apagão que supõe as zero resenhas que tem publicado as grandes midias espanholas.

P: Como surge este livro sobre a manipulação nas mídias?
R: Este livro surge depois de dois anos de trabalho na Telesur, de onde eu chego como diretor editorial com objetivo, chamemo-lo assim, de explicar o mundo. TeleSur é um canal internacional de notícias promovido por vários paises latino-americanos. Me dei conta de que tanto os padrões mentais dos jornalistas como o que chegava pelas agencias não servia para explicar a política internacional e então disse a mim mesmo que não se parecia com o que sucede no mundo e além disso não se sustenta. Tudo isso que quis fazer na TeleSur, que era entrevistar analistas especializados, buscar bibliografias muito especializa de determinadas questões complexas, buscar fontes originais, testemunhos de primeira mão, não estar submetido a pressões ou interesses, tudo isso levou ao livro e pude comprovar enquanto o desenvolvia como o divórcio entre a realidade, segundo contavam os conhecedores do Afeganistão ou da Colômbia, e o que realmente chegava às mídias era abismal; era algo que eu já imaginava. Tratava-se de tentar demonstrar de um modo sério e rigoroso essa tese que tantas vezes temos comentado para a qual fazia falta repassar ao mundo nos últimos anos, percorrer os cinco continentes e preencher as 600 páginas.

Vejam a entrevista em L'INFORMATIU

Kátia Abreu recebe a Motosserra de Ouro

A senadora Kátia Abreu (DEM-TO), presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, recebeu na quinta (8), o prêmio Motosserra de Ouro, por sua “defesa incansável por mudanças no Código Florestal, que resultará em mais desmatamentos no Brasil”. A entrega do galardão ficou por conta de uma ativista dos direitos indígenas da Amazônia no lobby do hotel em que a senadora estava hospedada em Cancún, no México, durante a convenção do clima das Nações Unidas (COP-16) – que terminou na madrugada de hoje. Irritada, Kátia não aceitou o prêmio.

Em 2005, o ex-governador e senador eleito, Blairo Maggi ganhou o prêmio. O protesto foi organizado pelo Greenpeace com o apoio do Grupo de Trabalho Amazônico (GTA) e da Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab). (Leonardo Sakamoto)


Visto no blog OS AMIGOS DO PRESIDENTE LULA

Tradução de comunicado do Wikileaks

"A primeira infoguerra séria começou. O campo de batalha é o Wikileaks. Vocês são os soldados", escreveu John Perry Barlow no Twitter.

A batalha entre a censura e a liberdade de expressão está escalando. Esta semana viu Amazon, Tableau, EveryDNS e Paypal abandonarem, em rápida sucessão, os serviços ao Wikileaks, ataques distribuídos de negação de serviço que fizeram com que o site saísse do ar múltiplas vezes e crescente pressão política dos governos dos Estados Unidos (2), da Austrália e da França.

LEIA A TRADUÇÃO: por Idelber Avelar (do original).

LEIA TAMBÉM:Wikileaks: O 1º preso político global da internet e a Intifada eletrônica

Don’t Look, Don’t Read

Governo Obama proíbe funcionários de acessar Wikileaks, a menos que tenham expressa autorização. Meramente ler os documentos será considerado "violação da segurança nacional". Os sítios da Wikileaks estão inacessíveis na Biblioteca do Congresso.

Os ataques dos EEUU no Yemen matam cinco vezes mais civis que combatentes

Mais uma guerra da qual nada nos contam

Londres, 9 dez (EFE).- Os Estados Unidos leva a cabo uma guerra secreta no Yemen que já matou cinco vezes mais civis que supostos terroristas, informa hoje o diário britânico The Times.

Nos últimos meses, os EEUU lançaram quatro ataques com mísseis cruzeiro contra objetivos da Al Qaeda na Península Arábica, onde mataram 200 civis mas somente 40 terroristas, disse o jornal. Os detalhes desses ataques se produzem depois da publicação pelo Wikileaks de documentos diplomáticos segundo os quais o governo yemeni tem fingido algumas vezes de ser o responsável por essas operações para proteger as costas de Washington.

Fontes do governo yemeni tem dado ao diário britânico detalhes dos ataques e o custo em vidas civis, algo que vinham suspeitando durante muito tempo grupos de defesa dos direitos humanos. Segundo os serviços de inteligência ianque, a Al Qaeda deslocou seu centro de operações da fronteira afegã-paquistaní ao Yemen.

Vejam mais detalhes em INSUBMISSIA



Vargas Llosa: la tumba de la dignidad

Mario no es tan sólo el lameculos de los norteamericanos sino que se ha especializado en hacer las mejores felaciones

La dignidad humillada, la dignidad pisoteada, jamás hubiéramos imaginado tanta vileza.

Conocí al escritor peruano, hoy español, Mario Vargas Llosa en la Semana del Autor, realizada en el Instituto de Cooperación Iberoamericana de Madrid en el mes de mayo de 1984. En ese entonces con toda solemnidad fue presentado por el director del centro Luis Yañez Barnuevo, como uno de los más connotados escritores de la lengua hispana. Vargas Llosa iba vestido de punta en blanco, mancuernas de oro, corbata a la moda y zapatitos de cafiche italiano. El público desde tempranas horas abarrotaba el recinto ansioso por escuchar las palabras de uno de los profetas del boom latinoamericano.

(...)

El mismo día que se cerraba el ciclo de conferencias aconteció un hecho inaudito. Tras agradecer su presencia y pronunciar unas palabras de despedida el presidente del ICI abrió el turno de preguntas. De repente, como tocado por un rayo, se puso en pie un personaje tosco de pelos enmarañados quien señalándolo con el dedo índice le espetó: «eres un lameculos de los norteamericanos» ¡oh Dios mío qué insolencia! En el salón de actos se hizo un silencio sepulcral. Pero, ¿quién es este energúmeno que osa mancillar la reputación de un escritor tan laureado? A quemarropa el francotirador seguía disparando sus acusaciones, lo llamó, si la memoria no me falla, de «bastardo», «sátrapa» y «fariseo». La audiencia murmuraba indignada, incluso algunos quisieron silenciarlo, pero no hicieron más que enfurecer la fiera. Este tipo no era otro que el polemista y escritor chileno León Canales, quien más tarde se convertiría en uno de mis mejores amigos. Desde luego que hay que tener agallas para plantarle cara a un ser tan arrogante y pretencioso.


Vejam o texto completo em LA HAINE.ORG

A China adverte por tensão na península coreana

A SITUAÇÃO É EXTREMAMENTE DELICADA: A China reiterou suas advertencias em que a dissuação militar, promovida pelos Estados Unidos e Coréia do Sul contra a República Popular Democrática da Coréia, IÓN ES EXTREMADAMENTE DELICADA: China reiteró sus advertencias en que la disuasión militar, promovida por Estados Unidos y Corea del Sur contra la República Popular Democrática de Corea, pode gerar ainda mais tensão na Península Coreana, em lugar de ajudar a resolver os problemas dessa região.

De acordo com a porta-voz da Chancelaria chinesa, Jiang Yi, esta reflexão foi realizada ante o anúncio da Coréia do Sul e Estados Unidos de levar a cabo novas manobras militares conjuntas,, após o incidente que há semanas protagonizaram ambos os países da península com troca de fogos de artilharia.

Vejam mais detalhes em INSURGENTE.ORG


sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Direitos Humanos da hipocrisia

PROVAS IRREFUTÁVEIS SOBRE A GUERRA, INFÂNCIA, DOUTRINAMENTO, ABSTENCIONISMO, PARTICIPAÇÃO: Todavia falta muita tinta verter sobre o manejo hipócrita do tema dos direitos humanos na hora de desestabilizar países incomodos aos interesses das potencias atlânticas.

Isto foi deveras relevante a partir do último ano, em especial no final de 2009 quando o presidente Barak Obama em seu discurso de aceitação do prêmio Nobel da Paz em Oslo reeditava a cruzada do "Ocidente contra o resto" levantando o fardo do homem branco como pretexto para aprovar recursos de guerra que batem todos os recordes históricos e aumentar o número de tropas no Afeganistão.

Mas vejamos, passo a passo, alguns "direitos humanos" que os dominadores do mundo ostentam, enquanto levantam o dedo acusador contra os que não se dobram a seus interesses ou não formam parte de seu clube:


Vejam o texto completo em INSURGENTE.ORG

INDÚSTRIA: A PRODUÇÃO DE CARBONATO DE LÍTIO DISPARÁ EM 2011 COM A EXTRAÇÃO NO SALAR DE UYUNI (BOLÍVIA)

O automóvel elétrico dispara a febre do lítio

O término da obtenção de petróleo a preço barato tem provocado na indústria automobilística uma busca por uma alternativa mais econômica. E ainda aproveita para dar um aspecto verde: o automóvel elétrico. Atualmente não nenhuma opção definitiva, mas a indústria automobilística lançou-se em busca do lítio para o desenvolvimento de baterias lítio-íon. Este metal é um recurso encontrado especialmente na América Latina e, possivelmente, no Afeganistão. Sobre essas zonas tem-se lançado governos, empresas de minério e marcas de automóveis para assegurarem-se das reservas deste metal.


Vejam mais detalhes em PERIÓDICO DIAGONAL

Entidades pedem condenação de responsáveis pelo golpe em tribunal internacional

A comunicação pede claramente não só a investigação, mas também a condenação dos que perseguiram ou ordenaram a perseguição política de hondurenhos/as que se manifestaram pública e pacificamente contra o golpe de Estado. O documento também chama atenção para a contribuição dada por donos de meios de comunicação e por religiosos.

Vejam mais detalhes na REVISTA FÓRUM

Brancaleone contra-ataca

Jay Rosen, conhecido por estimular o jornalismo cidadão e por denunciar conchavos na grande imprensa, afirma que a imprensa tradicional fracassou na tarefa de fiscalizar o poder e defender os valores democráticos. Funcionários, militares e outras pessoas que têm acesso a informações sensíveis preferem entregá-las ao WikiLeaks porque não confiam nos meios tradicionais.

Por Luciano Martins Costa
[10 de dezembro de 2010 - 13h17]
Começam a se inverter as posições no conflito entre o governo dos Estados Unidos e a organização WikiLeaks, fundada pelo australiano Julian Assange. Do jornalista americano Jay Rosen, professor da Universidade de Nova York e crítico de mídia, ao presidente do Brasil, Lula da Silva, passando pelo jornal britânico The Guardian, cresce o movimento de apoio ao WikiLeaks, ao mesmo tempo em que surgem as primeiras análises sobre o papel da imprensa na fiscalização do poder.

A manifestação de Lula, convocando explicitamente a sociedade e principalmente a imprensa a defenderem Julian Assange em nome da liberdade de informação, ganhou destaque na imprensa internacional e citações nas primeiras páginas do Globo e do Estado de S.Paulo em suas edições de sexta-feira (10/12).

Vejam mais detalhes na REVISTA FÓRUM

Lançamento do filme O Grande Tambor

Dia 12, 20h, em Pelotas, no Teatro Guarany.
Dia 13, 20h, em Porto Alegre, no Cinebancários.
Dia 15, em Canela.
Dia 16, 21h, em Porto Alegre, no Odomodê.

Sinopse:
O filme narra a trajetória do Tambor de Sopapo, que carrega a história da diáspora africana no Rio Grande do Sul. Sua matriz vem pelas mãos e mentes dos africanos escravizados para a região das charqueadas, ao extremo sul do Brasil. É considerado sagrado, retumbando o som por séculos de um purificar religioso para os rituais de matança - realidade presente nas propriedades que produziam o charque entre os séculos XXVIII e XIX. Mas, a partir na década de 1950, inicia seu caminho no carnaval, quando surgiram as primeiras escolas de samba do estado. O Grande Tambor conta uma parte da história sobre a contribuição dos afrodescendentes na formação simbólica e cultural do povo do Rio Grande do Sul. Sobreviveu pelas mãos de Mestre Baptista, Griô, que preservou a memória e a arte da fabricação de um instrumento de som grave e marcante e que hoje é patrimônio brasileiro.

Assista ao trailler:


Esta é uma produção do Coletivo Catarse, com apoio do IPHAN - Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

Cuba recuerda a Lennon con conciertos y exposiciones en toda la isla

Los cubanos recordaron, este 8 de diciembre, el 30 aniversario del asesinato de John Lennon con un programa de conciertos y exposiciones por toda la isla, donde también se conmemoró el décimo aniversario de la estatua dedicada al ex Beatle en un parque de La Habana.

En las ciudades de La Habana, Santa Clara, Santiago de Cuba y Holguín fueron programados varios espectáculos para interpretar la música de Los Beatles y celebrar el “legado cultural” de Lennon, una iniciativa que ya se ha hecho tradición en la isla por esta fecha.

El concierto central se realizaó en horas de la noche en La Habana, con el nombre de “Give peace a chance”, organizado por el Ministerio de Cultura, el Instituto Cubano de la Música y la Agencia Cubana de Rock.

Además, se cumple una década de la inauguración de la estatua de bronce dedicada a Lennon en el parque de La Habana que lleva su nombre, la cual fue descubierta en el año 2000 por el entonces presidente Fidel Castro.

Vejam em CUBADEBATE

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Rabinos israelenses proíbem aluguel de casas a cidadãos árabes

Cerca de 50 rabinos que exercem a função pública de chefes de rabinatos de grandes cidades em Israel assinaram um decreto proibindo aluguel ou venda de casas a cidadãos árabes e ameaçando aqueles que violarem a ordem de serem isolados pela comunidade.

O líder do movimento é o rabino Shmuel Eliahu, da cidade de Tzfat, que publicou um decreto semelhante há um mês levando a população de sua cidade a se negar a alugar casas a estudantes árabes de uma faculdade local.

Leia mais na BBC.

O FMI adverte: "Algumas economias européias estão à beira do abismo"

CIDADE DE BUENOS AIRES (Urgente24).- Algumas economias européias "não estão longe da beira do abismo" e devem abordar sua consolidação fiscal, disse hoje o diretor gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) Dominique Strauss-Kahn.

"Algumas estavam na beira do abismo - como a Grécia e a Irlanda. Outras não estão longe da beira do abismo, mas sem dúvida tem que voltar a ter uma melho situação fiscal. Pelo que toda a zona do euro tem agora Algunas estaban al borde del abismo -esa es Grecia, es Irlanda. Otras no están lejos del borde del abismo, pero sin embargo tiene que volver a una mejor situación fiscal. Portanto, toda la zona euro tem agora que abordar a consolidação fiscal de médio prazo", afirmou na capital da India.

Vejam mais em URGENTE24

Já está disponível o primeiro browser para textos de Wikileaks

Gabriela Ulloa.- Graças à iniciativa do Centro Europeu de Investigação, os cibernautas contam com o primeiro motor de buscas para WikiLeaks chamado ‘Cablesearch’, o qual permitirá o fácil acesso aos documentos até agora publicados pela organização.

Esta ferramenta, realizada com a finalidade de que jornalistas e outros interessados obtenham com rapidez e de forma organizada os documentos, permite localizar palavras concretas nos 983 informes que estão disponíveis e inclusive eliminar termos na busca de resultados.

Assim, dá uma oportunidade aos internautas de buscar nos títulos ou na totalidade dos textos.

Destacável, sem dúvida, é que Cablesearch não está vinculada a WikiLeaks, de modo que as pessoas podem realizar doações através do PayPal ou MasterCard; serviços que já foram vetados ersonas sí pueden realizar donaciones a través de PayPal o MasterCard; servicios que ya fueron vetados para a organização de Julian Assange pelas próprias companhias.

O browser também dispõe de uma seção de notícias em inglês, de onde pode-se encontrar as últimas informações de diversos meios de comunicação relacionados com WikiLeaks


Vejam em LA HAINE.ORG

Sindicato homenageia memória do comandante Jonas

Recentemente o Ministério Público Federal fez buscas no Cemitério da Vila Formosa em São Paulo dos corpos de desaparecidos durante o período da Ditadura Militar. Um dos principais líderes da época era Virgílio Gomes da Silva, o comandante Jonas, trabalhador do setor químico e importante combatente contra o regime militar.

Em 2009 o Sindicato dos Químicos fez pedido formal pela continuidade na procura do corpo do trabalhador desaparecido, conjuntamente com a família e o grupo “Tortura Nunca Mais”. Na ocasião compareceu ao Sindicato o ministro da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Paulo Vanucchi, que se comprometeu com a continuidade da luta pela memória dos desaparecidos políticos.


Vejam o texto completo em CARTA MAIOR

Homenagem a John Lennon no 30o. aniversário de seu assassinato (+ vídeo de "Imagine")

Os admiradores de John Lennon celebraram sua vida nesta quarta-feira em Strawberry Fields, o jardim no Central Park dedicado ao ex-Beatle, por outro lado uma entrevista recém difundida que deu pouco antes de sua morte evidenciou seu otimismo sobre o futuro.

No trigésimo aniversário do assassinato de Lennon em frente ao seu edifício de apartamentos em Manhattan, fãs tocaram sua música próximo a Strawberry Fields e colocaram flores sobre um mosaico que leva o nome de outra famosa canção de Lennon, "Imagine".

"Cresci ouvindo sua voz”, disse Marissa DeLuca, de 17 anos, que veio de Boston para Nova York com seu pai, Paul DeLuca, de 50.

Vejam mais detalhes em CUBADEBATE

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

#Wikileaks: Por trás do "escândalo sexual" contra Assange, uma "colaboradora" cubana da CIA


Segundo os cabos que reportam o assunto ocorrido na Suécia, Ardin sería a “recorrente oficial” de Assange com sua amiga Sofía Wilden que foi supostamente a primeira a queixar-se do “abuso” para a polícia.

A ação, algo estranha mas aparentemente conforme à legislação sueca, consiste no delito de ter praticado sexo sem camisinha, e ter tido dois encontros amorosos em uma mesma semana com cada uma das alegadas vítimas.

Depois de sua saída de Cuba, Anna Cardin se fez conhecer por sua literatura vitriólica em web sites financiados pela USAID e controlados pela CIA, tais como o Misceláneas de Cuba, propiedade do cubano Alexis Gainza Solenzal.


Confira o texto completo no RT @stockler4

EEUU proibem falar de Wikileaks no Facebook ou no Twitter

Falar de WikiLeaks no Facebook ou no Twitter poderia por em perigo aos aspirantes de emprego, assim advertiu esta semana um funcionário do Departamento de Estado aos estudantes de Assuntos Internacionais e Públicos da Universidade de Columbia, de acordo com um repórter da CNN.

Um correio eletrônico do Escritório de Serviços de Carreira, que saiu à tarde na sexta-feira, indica uma advertência oficial, informou um ex-aluno da universidade, de acordo com o portal do jornal The Huffington Post.

Vejam mais em CUBADEBATE

França julga a cúpula militar de Pinochet

Natalia Chanfreau esperou cerca de 40 anos para que a justiça ousasse ajuizar aqueles que sequestraram e assassinaram seu pai sob a ditadura chilena. "Temos esperado quase nossa vida para obter justiça", disse ontem em París a filha de Alphonse Chanreau, o líder estudantil do MIR chileno (Movimento de Izquierda Revolucionario), sequestrado em Santiago em 30 de julho de 1974. Os advogados e familiares das vítimas de desaparecimentos apresentaram ontem em París o contexto do processo em ausência contra 13 militares chilenos e um argentino, responsáveis pelo desaparecimento de quatro cidadãos franceses em pleno pinochetismo.


Vejam mais detalhes em PÁGINA/12

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Israel reconhece que assassinou cientista nuclear iraniano na semana passada

O serviço secreto israelense, o Mossad, reconheceu que assassinou na semana passada a Majid Shahriari e que feriu outro físico no Irã, segundo fontes do próprio Mossad em uma operação realizada em Teerã.

“É a última operação do chefe do Mosad“, afirmaram satisfeitos os responsáveis pelos serviços secretos israelenses reunidos em sua sede de Gelilot, ao norte de Tel Aviv. Referiam-se ao assassinato do destacado cientista nuclear iranianoMajid Shahriari na semana passada, cometido, ao que parece, por agentes secretos israelenses. Outro destacado físico atômico iraniano, Fridon Abasi, acabou gravemente ferido em uma operação similar e simultânea.


Vejam mais detalhes em CUBADEBATE

Lula e os emigrantes no Itamaraty

Rui Martins

O sol batia forte e pela sua testa escorriam gotas de suor, que ele enxugava com o lenço. Alguém lhe passou um boné para protegê-lo do sol e assim continuou sendo abraçado e abraçando, como se um Papai Noel de barbas mais curtas tivesse descido no Itamaraty para um distribuição de presentes.

Ligeiramente distante, eu observava o carinho com que ele retribuía a alegria de todos quantos chegavam perto, pedindo para fazer uma foto ao seu lado, naturalmente para depois colocar num porta-retratos ou num quadro na parede da sala de visitas.

Alguns minutos antes, ele me conseguira emocionar com seu improviso realçando como os pobres de seu país começam a ser mais numerosos que os filhos das classes abastada nas universidades e como os negros conquistarão em breve seu lugar na sociedade como dentistas, médicos, advogados e igualmente como diplomatas no Itamaraty.

Vejam o texto completo em DIRETO DA REDAÇÃO

Autora de queixa contra Assange escreveu manual de vingança sexual em blog

Uma cidadã cubana que acusa o jornalista australiano Julian Assange, fundador do Wikileaks, de "crimes sexuais" na Suécia foi apontada como "colaboradora" da CIA e teria planejado o caso, segundo a rede de TV venezuelana TeleSur. No início do ano, ela mesma divulgou na internet um "guia para se vingar" de alguém usando denúncias de abusos sexuais.

De acordo com as informações publicadas nesta terça-feira (7/12), a cubana Anna Ardin (cujo nome real seria Ana Bernardín) teria sido uma das primeiras a denunciar Assange por "abuso sexual" à polícia, junto à amiga sueca Sophia Wilén.
(...)
Anti-castristas

Segundo a TeleSur, ela também seria ligada ao ativista anti-castrista Carlos Alberto Montaner e ficou conhecida por escrever em websites financiados pela USAID (agência dos Estados Unidos para empréstimos a países subdesenvolvidos) e controlados pela CIA, como o Misceleanas de Cuba, do cubano Alexis Gainza Solenzal, que criticam o regime da ilha.

Montaner é co-autor, junto com o peruano Mario Vargas Llosa, do livro anti-esquerdista Manual do Perfeito Idiota Latino-Americano (Bertrand Brasil, 1997). Nos anos 1960, chegou a ser preso em Cuba por acusações de trabalhar para a CIA em operações de sabotagem, até fugir da prisão e encontrar asilo na Espanha, então sob o regime franquista.


Vejam mais detalhes em OPERA MUNDI

Notícias do site Tribunal Iraque

Em 2010, Israel prendeu 1.124 crianças em Jerusalém
6 de Dezembro de 2010
Segundo dados da polícia israelita de Jerusalém ocupada, 1.124 crianças palestinianas foram detidas e interrogadas em 2010. O jornal Ha´aretz diz que, mais preocupante do que o número de detenções é a maneira em como são efectuadas as prisões, com as crianças a serem levadas de casa a meio da noite. (PIC)


Soldado dos EUA acusado de matar prisioneiro
2 de Dezembro de 2010
David Lawrence, de 20 anos, soldado dos EUA a prestar serviço no Afeganistão, matou a tiro um preso afegão enquanto dormia na cela, de acordo com o texto da acusação. (Associated Press)


Vejam mais em TRIBUNALIRAQUE-Audiência Portuguesa do Tribunal Mundial sobre o Iraque

Stuart Angel ganha memorial em sua homenagem no Flamengo (RJ

Nesta quinta-feira (9), às 11hs, acontecerá no Clube de Regatas do Flamengo a inauguração do memorial 'Pessoas Imprescindíveis' em homenagem a Stuart Angel Jones. Este trabalho faz parte do Projeto 'Direito à Memória e à Verdade', um resgate da história recente do País. O evento contará com a presença do ministro da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, Paulo Vannuchi.

Stuart era estudante de economia, militante do Movimento Revolucionário 8 de Outubro (MR-8). Ele foi morto aos 26 anos, pela ditadura que dominou o país durante 21 anos. Campeão de remo pelo Flamengo, ele era filho da estilista Zuzu Angel que, em plena ditadura militar, utilizou sua arte para denunciar as desaparições que se faziam à época e tornar o assunto o mais público possível.

Vejam em Adital

“Es el momento de reconocer a Palestina como estado”

El gobierno argentino reconoció a Palestina como “un Estado libre e independiente dentro de las fronteras existentes en 1967” y “de acuerdo a lo que las partes determinen en el proceso de negociación”, en referencia a las empantanadas relaciones diplomáticas con el Estado de Israel. El anuncio fue realizado ayer por Héctor Timerman, y según el canciller está en sintonía con los socios del Mercosur, Brasil y Uruguay, con quienes la Argentina “comparte que ha llegado el momento de reconocer a Palestina como un Estado libre e independiente”. El embajador palestino en Buenos Aires, Walid Muaqqat, manifestó su alegría con la decisión adoptada por la Presidenta y afirmó que de esta manera la “Argentina contribuye a pavimentar el camino hacia una solución definitiva de una paz justa y duradera entre palestinos e israelíes”. En su primera reacción frente al anuncio, el embajador de Israel, Daniel Gazit, afirmó que “el reconocimiento argentino a Palestina como Estado no afecta las relaciones, no cambia las buenas relaciones que mantienen Argentina e Israel”. Pero poco más tarde el portavoz de la cancillería israelí, Yigal Palmor, calificó de “lamentable” la decisión argentina.

Leia na Página/12

O ceú de Ícaro e de Galileu

Por: João Torres de Mello Neto

A banda brasileira Paralamas do Sucesso, em sua bela canção ‘Tendo a Lua’, argumenta que o céu de Ícaro tem mais poesia que o de Galileu. Com duas filhas adolescentes em casa, essa questão, por vezes, adquiria premência nos longos cafés da manhã aos sábados. Supondo a possibilidade de quantificar o quanto de poesia determinado lugar tem, será que aquela afirmação é óbvia?

Como leigo em poesia, nem tenho certeza de que o ‘poético’ possa ser bem definido, mas suponho que todos tenham um sentimento do que é poético.

O céu de Ícaro é o céu dos mitos e do trágico. Ícaro é filho de Dédalo, que, entre outras coisas, como o labirinto do Minotauro, fez asas de penas e cera para voar. Ícaro as foi testar. Desdenhou da recomendação paterna em sua ânsia juvenil de explorar o desconhecido e se aproximou em demasia do Sol. O calor derreteu a cera, e, ao final de sua provocação desmedida, ele se espatifou no mar, morrendo. O final trágico de Ícaro, sua juventude ao se jogar ao Sol, sua insolência parecem-me poéticos.

Vejam mais em CIÊNCIA HOJE-SBPC

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Charge de Josetxo Ezcurra


Charge de Josetxo Ezcurra em REBELIÓN.ORG

Wikileaks divulga lista de locais 'vitais' para segurança nacional dos EUA

A definição de segurança nacional americana revelada pelo comunicado do Departamento de Estado é ampla e abrangente.

Além dos locais mais óbvios de infraestrutura estratégica, o documento contém ainda locais diversos como uma mina de cobalto no Congo, uma fábrica de soro antiofídico na Austrália e uma fábrica de insulina na Dinamarca.

No Brasil, o documento enviado pelo Departamento de Estado lista cabos de comunicação submarinos com conexões em Fortaleza e no Rio de Janeiro e minas de minério de ferro, manganês e nióbio em Minas Gerais e em Goiás.



Confira a notícia completa, da BBC Brasil, no UOL.

EUA e a “Estratégia dos 5 Pilares”, do Mossad, para o Irã

2/12/2010, Por Farhang Jahanpour, Informed Comment -- http://www.juancole.com/

Farhang Jahanpour é decano e ex-professor da Faculdade de Línguas da Universidade de Isfahã, Irã, e ex-pesquisador na Universidade de Harvard. É pesquisador-associado da Faculdade de Estudos Orientais e tutor para Estudos do Oriente Médio, do Departamento de Educação Continuada da Universidade de Oxford.

O mais alarmante, no pacote de arquivos recentemente vazados por WikiLeaks, é o quanto os políticos norte-americanos e seus aliados israelenses vivem obcecados com o Irã. Ninguém fala das colônias israelenses na Cisjordânia, na invasão israelense ao Líbano, dos crimes de guerra em Gaza, do ataque à Flotilha da Paz, do arsenal de centenas de ogivas atômicas que se acumulam em Israel. Todos só falam sobre e pensam em e preocupam-se com o enriquecimento de urânio no Irã. É como se o único problema fosse decidir quem – Israel ou os EUA – atacará primeiro o Irã.


Vejam o texto completo em NOVAE

O terrorismo que não interessa à mídia "ditabranda"

Provas da campanha terrorista de Posada Carriles contra hotéis de Cuba serão incluídas em processo judicial

No próximo processo judicial contra Luis Posada Carriles se apresentarão provas reunidas pelas autoridades cubanas e pelo FBI para mostrar o papel deste ex-agente da CIA em vários ataques com explosivos em Havana, afirma hoje o diário Nuevo Herald de Miami.

Pela primeira vez, também, um jurado ouvirá como evidência a entrevista gravada de Posada com uma jornalista do The New York times em que êle admite sua responsabilidade no planejamento dos ataques a hotéis em Havana em 1997.



Miami apresenta livro de memórias de Orlando Bosch nesta quinta-feira

Os anos que êle tem vivido, o livro do terrorista será apresentado nesta quinta-feira, 9 de dezembro, às 19:30 h, em Koubek Center, de Miami, com celebração e brindes incluídos.

A nota promocional assegura que "às 8 horas da noite começará a 'atividade' (o brinde). Às 9 o autor assinará os exemplares. O público em geral está convidado. Estacionamento grátis".

Orlando Bosch, terrorista convicto e um dos autores do atentado contra um avião cubano às costas de Barbados que custou a vida de 73 pessoas, goza da proteção das autoridades norte-americanas e da homenagem de certos setores da comunidade de Miami, aqueles que o glorificam como um herói.


Vejam mais notícias em CUBADEBATE

Estadão e Folha tentam usar Dilma para apedrejar Lula

Em entrevista ao jornal Washington Post, a presidente eleita Dilma Rousseff foi perguntada sobre a política brasileira em relação ao Irã, e malandramente o jornal introduziu na mesma pergunta a questão "Por que o Brasil apoia um país que permite que as pessoas sejam apedrejadas...?"

Dilma não caiu na armadilha, e deixou claro que existe uma diferença. Ela apoia a política brasileira de buscar a construção da paz no Oriente Médio (ou seja, o caminho do diálogo e não da guerra), e não apoia apedrejamento.

É exatamente a mesma posição adotada pelo governo Lula e pelo Itamaraty. Tanto é que o Presidente ofereceu asilo no Brasil para Sakineh Ashtiani (mulher iraniana condenada à morte por apedrejamento).


Vejam mais detalhes no blog OS AMIGOS DO PRESIDENTE LULA

A coisa fedeu no feudo do STJ

- Quer sair daqui? Estou fazendo uma transação pessoal - disse o senhor, após voltar-se duas ou três vezes para trás, "de forma um tanto áspera", como relataria o jovem, em seu português impecável.
- Senhor, eu estou atrás da linha de espera. - foi a resposta, "em tom brando", como contou, ou "de forma muito educada", na confirmação da testemunha.
- Vá fazer o que tem que fazer em outro lugar! - esbravejou o homem em frente ao caixa eletrônico.
- Mas, senhor, minha transação só pode ser feita neste caixa...
- Fora daqui! - o grito, a essa altura, chamou a atenção de pessoas que passavam e aguardavam na agência.
E foi completada pelo veredicto, aos brados:
- Eu sou Ari Pargendler, presidente deste tribunal. Você está demitido, entendeu? Você está fora daqui, isto aqui acabou para você. De-mi-ti-do!
LEIA MAIS AQUI. 

N.E.: Por que o SR. DO FEUDO não queria o jovem negro e pobre por perto?

domingo, 5 de dezembro de 2010

Bradley Manning

A bravura de um soldado americano


    * Por Mauro Santayana

Os e-mails do soldado Bradley Manning (foto) ao hacker Adrian Álamo – que o denunciou – revelam o drama de consciência do jovem diante dos horrores da guerra e da irresponsabilidade dos dirigentes do mundo. “Já não creio que haja pessoas boas e pessoas más. Há uma série de países que atuam sempre em favor de seus próprios interesses” diz a seu delator. (...)
 
-Leia o artigo (publicado no JB), na íntegra, Clicando Aqui*

Gilberto Carvalho

'Ela tem muita competência de gerenciamento, com forte capacidade de gestão e de trabalho em equipe'


Segundo Gilberto Carvalho, escolhido por Dilma Roussef para ser o próximo Secretário-Geral da Presidência da República, a Presidenta Dilma pediu que ele seja um “sensibilizador” das demandas sociais.

Brasília/DF - Agência Brasil - A presidenta eleita Dilma Rousseff pediu ao futuro secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho (foto), que a alerte sobre dificuldades e lhe diga a verdade nos momentos difíceis. Em entrevista exclusiva à TV Brasil, Carvalho também afirmou que ela usará a capacidade de manter a coesão e de trabalhar em equipe para compensar a falta de carisma em relação ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Se ela [Dilma] não tem o mesmo carisma desse Pelé da política que é o presidente Lula, ela tem muita competência de gerenciamento, com forte capacidade de gestão e de trabalho em equipe”, disse Carvalho, atualmente chefe de gabinete de Lula e que ocupará a Secretaria-Geral da Presidência da República a partir de janeiro. (...)
Leia a postagem,  na íntegra, Clicando Aqui