sábado, 14 de maio de 2011

Neruda foi “assassinado”


Por Francisco Marín*

Estava tudo pronto para que o poeta e prêmio Nobel de Literatura Pablo Neruda se exilasse no México. Havia viajado de sua casa na Ilha Negra a Santiago do Chile em um avião enviado pelo governo mexicano pronto para busca-lo. No entanto, teve que ser internado na clínica Santa Maria. Avisou por telefone a sua mulher, Matilde Urrutia, e a seu assistente Manuel Araya que um médico havia dado uma injeção em seu estômago. Algumas horas depois morreu. Araya - que esteve ao lado do poeta em seus últimos dias -conta ao processo um segredo que o sufoca: o poeta "foi assassinado".


Vejam o texto completo (em castelhano) em CUBADEBATE

Cinco Estratégias Comunicacionais de Guerra dos Estados Unidos

Por Felson Yajure

Tradução: ADITAL - 09/05/11

As guerras da atualidade começam nos meios. Em cada guerra, os meios do imperialismo tentam convencer-nos de que seus governos estão atuando bem e, para isso, utilizam 5 estratégias:

1. Ocultar a verdade: que a causa real são nos interesses econômicos. 2. Colocar a vítima como agressor e culpada e ao agressor como o defensor da justiça. 3. Desprestigiar às vítimas. 4. Monopolizar a informação. 5. Ocultar a história.

Essas estratégias também foram aplicadas contra a Líbia, uma revolta espontânea rapidamente transformada em guerra civil, aprendendo com o caso do Egito, onde ainda existe o perigo de perda do controle. Podemos dizer: Na política, nada cai do céu!

Vejam os cinco pontos estratégicos em detalhe em ADITAL

Europa: adeus à livre circulação

Ministros do Interior da UE começam a desmantelar um dos princípios-chave da união: o fim das fronteiras internas, admitindo o regresso dos controlos. Dinamarca já decidiu restabelecê-los.

Os ministros do Interior da União Europeia, reunidos em Bruxelas, decidiram nesta quinta-feira rever algumas disposições do Tratado de Schengen para permitir que os controlos nas fronteiras internas sejam reintroduzidos.

A proposta foi defendia inicialmente pela França e Itália e, mais tarde, pela Alemanha, que alegaram a necessidade de combater a chegada de imigrantes do Norte de África.

Vejam o artigo completo em ESQUERDA.NET

Marcha contra Wall Street reúne milhares em Nova York

Cerca de 10 mil pessoas participaram, quinta-feira, de um protesto nas imediações do coração do mundo financiero: a Bolsa de Valores de Nova York. Os manifestantes marcharam pelas ruas da cidade para exigir que os bancos e os empresarios ricos paguem os custos da crise econômica que eles causaram, e não os trabalhadores que enfrentam uma onda de demissões e um ataque político em nível nacional contra seus direitos trabalhistas.Um grupo de professores que participou da manifestação garantiu: “esta é a última vez que nos comportamos bem; na próxima, tomaremos a cidade”. O artigo é de David Brooks, do La Jornada.

SEXTA-FEIRA, 13

Fantasma do colapso financeiro volta a rondar a Europa diante dos sinais -ostensivos-- de que a Grécia não sobreviverá sem novo aporte de recursos para evitar a oficialização de uma falência virtual . Dívida grega equivale a 143% do PIB. Meta de ‘ajuste' acordada com credores prevê reduzir esse colosso a 18% do PIB até 2020. Sangue , suor e lágrimas mostram-se insuficientes. ‘Inspetores' dos mercados, em Atenas nesse momento para tomar o pulso agonizante, enxergam uma única solução para evitar o ‘default': fatias mais suculentas de privatizações do patrimônio público grego. "Só 20% é pouco", reclamam os porta-vozes dos mercados sobre a condição originalmente acertada com a UE e o FMI para a ‘ ajuda ‘ de 50 bi de euros a Atenas. Colapso grego causa apreensão e derruba bolsas européias nesta sexta-feira.Nos EUA, pós-execução de Bin Laden, a inflação ao consumidor atinge o maior nível em dois anos e meio.A renda dos assalariados, em contrapartida, caiu 0,3% em abril, após declínio de 0,4% em março. Apenas 21% dos norte-americanos espera melhora nas condições financeiras. Percentual é o mesmo registrado na mínima histórica da pesquisa, durante a explosão da bolha das subprimes, em 2008. É hora de o Brasil abraçar a teoria ortodoxa do excesso de demanda e trocar investimentos por mais juros? (leia artigo de Amir Khair, nesta pág.)

(Carta Maior; Sábado, 14/05/ 2011)

Médio Oriente: A violência atinge a educação no Iraq

13 de Maio de 2011
IRIN
Fonte: irinnews.org | Trad. de F.Macias

Décadas de guerra no Iraque, as sanções da ONU, a fraca segurança e a situação económica, afectaram negativamente a educação e aumentaram os níveis de iliteracia. Segundo dados publicados pelo Estado e pela UNESCO em Setembro, pelo menos cinco milhões de Iraquianos dos cerca de trinta milhões no total, são analfabetos. Destes, 14 % são crianças na idade escolar que abandonaram a escola para poderem sustentar as suas famílias, estão deslocados ou não têm acesso a escolaridade adequada.

Ahmed Khalid Jaafar, de 14 anos, disse à IRIN (Rede Integrada de Informações Regionais) de Bagdade, que deixou a escola depois do pai ter morrido numa explosão há três anos, e que andava à procura de trabalho nas ruas para sustentar a mãe e duas irmãs mais novas.

“Eu vendo gomas e a minha mãe faz trabalhos de costura” disse-nos Jaafar. “Nós fazemos 200,000 a 300,000 dinares (160 a 250 dólares) por mês. Gastamos aquele dinheiro no que é mais importante, sobretudo alimentação. A escola agora não é o mais importante”. Jaafar e a sua família estão a ocupar um edifício do Estado que está abandonado.

Os dados de Setembro mostram que a iliteracia dos adultos no Iraque é agora uma das mais altas dos países árabes. Nas zonas rurais, cerca de 30% da população não sabe ler ou escrever. Há significativas disparidades entre sexos, sendo que 40% dos analfabetos são mulheres.

Vejam em TribunalIraque.info

Chilenos denunciam truculência policial em protestos contra hidroelétrica na Patagônia

Milhares de pessoas saíram às ruas em diversas cidades chilenas para protestar contra a aprovação, nesta segunda-feira (09/05), de um mega projeto hidroelétrico, pela Comissão de Avaliação Ambiental da região de Aysen, no sul do país. Cerca de 60 pessoas foram presas em Santiago, entre elas um deputado e a diretora de uma organização ambiental.

As manifestações foram convocadas através das redes sociais, após a confirmação de que a construção de cinco represas do projeto Hidroaysen na Patagônia, foi aprovada por 11 votos a favor e um contra. Os protestos transcorreram pacificamente durante as primeiras horas, mas, em algumas cidades, terminaram com confrontos entre manifestantes e a polícia chilena (carabineros).

Sara Larraín, diretora da organização ambiental Chile Sustentable, denunciou uma conduta “abusiva” dos carabineros durante os protestos. “Esta é a política de [Rodrigo] Hinzpeter, [ministro de Interior e Segurança Pública do Chile], do presidente [Sebastián] Piñera, diante de manifestações ambientais pacíficas”, afirmou à imprensa local, enquanto era transportada, algemada ao lado de sua filha, em um ônibus policial. 

Continue lendo no Opera Mundi (com fotos e vídeos).

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Google comienza a restablecer Blogger, su plataforma de blogs, tras dos días de avería

La red de blogs gratuitos se cayó por un mantenimiento mal realizado impidiendo a miles de blogueros entrar en sus páginas.- Por su parte, Twitter tiene problemas de saturación y de forma intermitente se bloquea el acceso al sitio.

Leia MAIS.

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Morreu o jornalista que inspirou um personagem de Mafalda


Jorge Timossi foi correspondente e um dos fundadores da agência cubana Prensa Latina. Tinha 75 anos e faleceu vítima de uma doença cardíaca. Sua figura inspirou o desenhista Quino na criação do personagem 'Filipito'.

O jornalista argentino nacionalizado cubano Jorge Timossi, um dos fundadores da agência noticiosa cubana Prensa Latina e Prêmio Nacional de Jornalismo José Martí, morreu nesta segunda-feira em Havana aos 75 anos, devido a um infarto, informou a agência Télam.

A figura de Timossi havia inspirado ao desenhista Quino a criação de 'Felipito', um dos personagens amigos da famosa tira 'Mafalda'.

"Timossi se entregou ao jornalismo sob a influência da Revolução Cubana e desde 1961 trabalhou como correspondentes viajante da nascente agência Prensa Latina", informa uma nota publicada ontem pelo diário oficial Granma.


Vejam em URGENTE24

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Mais um jornalista assassinado em Honduras

TEGUCIGALPA / 2011-05-11 / Héctor Francisco Medina Polanco foi baleado à noite às 19.30 horas quando saia de seu noticiário Omega Visión, do qual era diretor. Morreu nesta manhã no hospital. Foi o 12º jornalista assassinado desde janeiro de 2010.

Segundo o vice-presidente do Colegio de Periodistas de Honduras (CPH) José Santos Gálvez, Medina “havia denunciado que era objeto de ameaças" e que “aparentemente as autoridades não deram nenhuma importancia”.

A mídia ligada ao golpismo em Honduras tem noticiado a respeito do assassinato mas não mencionam que as ameaças vem de pessoas que Medina denunciou em seu programa televisivo. E quem eram elas? Latifundiários, proprietários de terras, que haviam sido denunciados pelos camponeses organizados de serem os responsáveis pela onda de assassinatos de camponeses em toda a Honduras.

Os jornalistas estamos na mira das forças obscuras e as forças que executaram o golpe de estado de 28 de junho de 2009, um segredo público.

Vejam mais detalhes (em espanhol) em KAOSENLARED.NET


Apple - Foxconn incluirá uma cláusula anti-suicídio no contrato de seus trabalhadores

Víctor Rodríguez
MovilZona


Foxconn, um dos principais fabricantes sócios da Apple, encarregada da montagem do iPhone 4 e iPad 2, introduzirá diferentes cláusulas no contrato de seus trabalhadores para freiar o alto índice de suicídios produzidos durante o último ano. Desta forma, o fabricante asiático ficará isento de toda responsabilidad legal frente a este tipo de autolesões.


Vejam mais detalhes (em espanhol) em REBELION.ORG

Terror econômico: a dura vida dos trabalhadores nos EUA

A recuperação econômica sem criação de postos de trabalho nos EUA está se convertendo em uma recuperação sem trabalho e renda. Os salários se contraem, os postos de trabalho escasseiam, o auxílio desemprego acaba e o dólar despenca. Pode-se duvidar que os EUA estão em meio a uma depressão? Há 14 milhões de desempregados, 42 milhões dependendo dos cartões de alimentação, os sem teto não param de crescer, os despejos subiram para 2 milhões por ano. A notícia economicamente mais relevante deste primeiro semestre de 2011 é a da queda dos salários reais. A fim de manter os postos de trabalho, milhões de estadunidenses estão aceitando reduções salariais. O artigo é de Mike Whitney.

Julian Assange é premiado em Sydney por "defender direitos humanos"

O fundador do site WikiLeaks, o australiano Julian Assange, foi agraciado nesta quarta-feira com a Medalha de Ouro da Fundação para a Paz de Sydney por sua "excepcional coragem na defesa dos direitos humanos".

Com a láurea, Assange se une a premiados ilustres como Nelson Mandela e o Dalai Lama, informou a rádio "ABC".

A Fundação para a Paz premiou Assange por exigir responsabilidade e maior transparência a Governos de todo o mundo, "enfrentando a engessada política do secretismo oficial".






Notícia da EFE, republicada no UOL.

Faça download de “Bajo las alas del Cóndor”, um presente da Feira do Livro de Havana (+ PDF)

Com prólogo da escritora argentina Stella Calloni, Bajo las alas del Cóndor, do investigador José Luis Méndez Méndez, recria uma face não abordada anteriormente sobre a combinação terrorista das ditaduras sul-americanas na denominada Operação Condor.

A história dos cubanos envolvidos é revelada através desta acurada investigação que Cubadebate presenteia hoje a seus leitores regala hoy a sus lectores, por cortesía de su autor y de la Editorial Capitán San Luis, presente en la Feria Internacional del Libro de La Habana.


Vejam em CUBADEBATE (e no espaço de comentários deste post).


A OTAN insiste em “proteger” a população líbia com suas bombas

Logo após intensificar os bombardeios a Trípoli e ao complexo onde reside o líder líbio e sua família, o mesmo objetivo de onde já foram assassinados um de seus filhos e três netos, de Nápoles o general italiano Claudio Gabellini negou que Muamar Khadafi fora o objetivo dos ataques aéreos: “Todos os alvos da OTAN são militares, são centros de comando e bunkers utilizados pelo regime”, explicou.

A Aliança Atlântica "não aponta contra indivíduos", assegurou o oficial em teleconferência no quartel general do sul da Itália, de onde a OTAN dirige a operação “Protetor Unificado”, lançada com a justificativa de proteger a população civil. Interrogado sobre se Khadafi continua vivo, o general respondeu: "Não temos nenhuma prova. Não sabemos o que está fazendo agora", disse.

“Na realidade, não estamos interessados no que êle está fazendo. Nosso mandato é proteger civis de seus ataques", insistiu.

Aviões da OTAN lançaram hoje os mais intensos bombardeios sobre Trípoli em várias semanas, horas depois de um recrudecimento dos combates na frente leste do país.

Vejam em CUBADEBATE

GREVE GERAL NA GRÉCIA: O LEME FOI ENTREGUE À TEMPESTADE

Transportes, serviços públicos, escolas e sistemas de saúde paralisaram atividades nesta terça-feira na Grécia, enquanto ‘inspetores' da União Europeia e do FMI visitam Atenas para avaliar a situação econômica desagregadora. Um ano após a concessão da ajuda financeira para evitar a quebra do país, o quadro só piorou, com aumento do déficit público que se pretendia reduzir. Motivo: arrocho ministrado pelos ‘inspetores' dos mercados produziu recessão, desemprego e queda na receita do Estado. O que se discute agora é a urgência de um novo pacote de ‘ajuda' para evitar a falência que poderia contaminar todo o ambiente europeu e gerar novos Estados zumbi (Espanha na mira). O custo do novo auxílio seria um repiquete do arrocho sobre o setor público, com cortes adicionais em serviços essenciais, esfarelando a rotina já dramática de um país à deriva, cujo leme foi entregue à tempestade.

(Carta Maior; 4º feira, 11/05/ 2011)

terça-feira, 10 de maio de 2011

Charge do Kalvellido


Charge do Kalvellido vista em REBELION.ORG (de 10.05.2011)

Psicose em Roma por causa de um terremoto imaginário (+ Video)

A psicose reina em Roma desde o anúncio algumas semanas atrás desde que um suposto sismólogo e astrônomo autodidata previu um devastador terremoto para 11 de maio na Cidade Eterna.

Os temores de que Roma desapareça repentinamente por um terremoto apocalíptico desatou o pânico em alguns setores da capital e também é fonte de fofocas de experts, técnicos e gente comum após a profecia elaborada por Raffaele Bendandi, falecido aos 86 anos em 1979 e baseada em suas próprias teorias sobre a posição dos planetas.

Durante meses, blogs, páginas web e redes sociais debatem os prognósticos de Bendandi, que em 1923 previu com poucos dias de erro um terremoto e cujas teorias foram estudadas então por experts.


Vejam mais detalhes em CUBADEBATE (ou no espaço de comentários deste post)
video

SENTINELA DO CAOS

"Para medir a consistência das avaliações de José Serra sobre a "crise" da economia brasileira -- listadas na estréia de seu blog, convém analisar a acurácia de previsões anteriores do luminar tucano. Em 2009, numa reunião do PSDB, o então governador de SP previa nada menos que o esfarelamento do país sob o tsunami do colapso financeiro mundial. E criticava as medidas tomadas pelo Presidente Lula que, como se sabe, fizeram o Brasil fechar 2010 com a criação de 15 milhões de empregos em oito anos de governo petista. Ah, sim, Serra perdeu a eleição para Dilma, perdeu o chão no PSDB, perdeu credibilidade junto à direita, perdeu o discurso e virou um blogueiro a torcer pelo caos para recuperar algum espaço no PSDB e na política brasileira. CONFIRA AQUI."

(Carta Maior; 3º feira, 10/05/ 2011)

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Charge de Paco Garabato


Charge de Paco Garabato vista em LA HAINE.ORG
de 09.05.2011

Mozilla se nega eliminar uma extensão para Firefox como exige os Estados Unidos

Diego Fraga
Bitelia


Desde que Estados Unidos tem fechado várias páginas web mais importantes de intercâmbio de ha cerrado varias de las páginas web más importantes de intercambio de conexões para visualização de programas PPV ou descarga de conteúdos protegidos por direitos de autor, os usuários tem trabalhado e programado uma extensão que permite buscar um domínio alternativo para o portal fechado.

A extensão Mafiaa, disponível atualmente nos repositórios do Firefox, se encarrega de buscar em uma base de dados todos os domínios alternativos de páginas web fechadas para poder visitá-las normalmente. Parece que isto tem provocado a Homeland Security que exige que o Mozilla retire imediatamente dito complemento de sua web.

Mozilla insiste que não retirará dita extensão amparando-se em que dita exigência deve ser solicitada por um tribunal e não por um poder executivo. O responsável pelos assuntos jurídicos da fundação, Harvey Andersson, explica amplamente em seu blog que Mozilla segue sempre a legislação vigente. Além disso se extende amplamente para mostrar sua indignação ante estes tipos de ações, que atentam diretamente contra uma internet livre.

Já sabemos que os Estados Unidos está movendo todos os fios possíveis para acabar com as páginas web, portais e demais conteúdos da internet que suponha algum tipo de problema contra os direitos de autor assim esperamos que Mozilla possa seguir mantendo sua postura já que pouco a pouco, nesta absurda batalha, estão recortando nossas liberdades de forma alarmante.

http://bitelia.com/2011/05/mozilla-se-niega-a-eliminar-una-extension-para-firefox-como-le-exige-estados-unidos

Vejam em REBELION.NET

Cartéis da droga em casa

De acordo com a declaração formulada em uma comissão parlamentar em Washington pelo comandante Gomecindo López, integrante da Unidade de Operações Especiais da polícia de El Paso, diversos integrantes de cartéis da droga tem sua residência habitual em território ianque, realizam seus negócios no México e depois voltam a cruzar a fronteira. (Fonte: La Jornada)

Poucas dúvidas parecem restar de que se as autoridades anti-narcóticos dos Estados Unidos, com toda quantidade de recursos que dispõe não efetuarem uma batida efetiva contra o tráfico entre esse país e o México deve ser porque mediam interesses economicos em jôgo. E com toda lógica o diário mexicano assinala que ainda que os corpos policiais disponham de abundante informação sôbre a deliquência organizada, ela não se traduz necessariamente em prisões.

Como antecedente acrescente-se a indulgência em que se beneficiou o Banco Wanchovia uma vez que se descobriu que essa empresa realizou, em coisa de dois anos, operações irregulares de 374 bilhões de dólares que possivelmente constituiram uma colossal operação de lavagem de dinheiro. E a êle se soma o contrabando de armas de fogo com destino a gangs violentas, que em data recente escandalizou a sociedade mexicana.

Assim, enquanto a DEA pronuncia habituais atos de fé contra os narcotraficantes, integrantes dos cartéis pernoitam tranquilamente em território ianque como se estivesse na própria casa. Se por acaso não se trata de uma dupla face do país hospedeiro, que alguém ilumine nossas idéias.


Vejam em CUBADEBATE

A OTAN deixou 61 imigrantes provenientes da Líbia morrer de fome e sede

Dezenas de imigrantes africanos morreram no mar Mediterrâneo depois que militares europeus e unidades da OTAN ignorassem aparentemente seus pedidos de ajuda, segundo publicou o diário britânico The Guardian.

A embarcação com 72 pessoas a bordo, incluindo várias mulheres, meninos e refugiandos políticos, abandonou Trípoli, capital da Líbia, com destino à ilha italiana de Lampedusa em março passado. Apesar dos sinais de alarme dos integrantes da embarcação, que travaram contato com unidades militares e um helicóptero da OTAN, ninguém se esforçou em resgatá-los.

Todos os imigrantes menos 11 morreram de sede e fome depois que sua embarcação ficou à deriva no mar durante 16 dias.

“Cada manhã ao levantar encontrávamos mais corpos, os quais atirávamos ao mar”, relata a The Guardian Abu Kurke, um dos nove sobreviventes. A barcaça saiu de Trípoli em 25 de março passado carregada com 47 etíopes, sete nigerianos, sete eritreus, seis ghanenses e cinco sudaneses. Acabou sem combustível próximo a Lampedusa e sem alimentos e água.

Vejam mais detalhes em CUBADEBATE (e no espaço de comentários deste post)

domingo, 8 de maio de 2011

Honduras: manifestantes reclamam em frente à embaixada dos USA o fechamento da escola ianque de assassinos

Mais de uma centena de hondurenhos e ianques exigiram em frente à embaixada dos Estados Unidos em Tegucigalpa o fechamento da Escola das Américas.

Os manifestantes solicitaram aos funcionários do governo hondurenho e organizações da sociedade civil que evitem que mais militares hondurenhos sejam treinados nessa base.

O sacerdote católico Roy Bourgeois, fundador do Observatório para o Fechamento da Escola das Américas, liderou o protesto.

Vejam mais detalhes em CONTRAINJERÊNCIA

Líbia: não é sobre o petróleo, é sobre moeda e empréstimos

É significativo que, nos meses que precederam a resolução da ONU que permitiu que os EUA e seus aliados enviassem tropas para a Líbia, Muammar Kaddafi estivesse abertamente defendendo a criação de uma nova moeda para rivalizar com o dólar e o euro. Na verdade, ele convidou as nações muçulmanas e africanas para se juntar a uma aliança que faria desta nova moeda, o dinar de ouro, a sua principal forma de dinheiro e câmbio. O FMI estima que o Banco Central da Líbia tenha cerca de 144 toneladas de ouro em seus cofres. O artigo é de John Perkins.

A barbárie e a estupidez jornalística

Elaine Tavares

Imaginem vocês se um pequeno operativo do exército cubano entrasse em Miami e atacasse a casa onde vive Posada Carriles, o terrorista responsável pela explosão de várias bombas em hotéis cubanos e pela derrubada de um avião que matou 73 pessoas. Imagine que esse operativo assassinasse o tal terrorista em terras estadunidenses. Que lhes parece que aconteceria? O mundo inteiro se levantaria em uníssono condenado o ataque. Haveria especialistas em direito internacional alegando que um país não pode adentrar com um grupo de militares em outro país livre, que isso se configura em quebra da soberania, ou ato de guerra. Possivelmente Cuba seria retaliada e com certeza, invadida por tropas estadunidenses por ter cometido o crime de invasão. Seria um escândalo internacional e os jornalistas de todo mundo anunciariam a notícia como um crime bárbaro e sem justificativa.


Vejam o texto completo em AMÉRICA LATINA EM MOVIMENTO